sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Dia Internacional do Idoso é comemorado com atividades no Ambulatório Escola

Cada vez mais a expectativa de vida aumenta. O conceito estatístico associado ao bem-estar da população é baseado em dados de acordo com diversos aspectos: poluição do local, taxa de criminalidade, violência e acidentes, condições econômicas, acesso à educação, saúde cultura etc, sendo possível fazer um cálculo médio do tempo de vida aproximado de uma sociedade. 

Atualmente, os cuidados com a população da terceira idade foram intensificados, pois a qualidade de vida e os interesses dos idosos por maior longevidade atraem os olhares e os cuidados dos profissionais de saúde. Por isso, para celebrar o Dia Internacional do Idoso, comemorado anualmente no dia 1 de outubro, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) realizou uma série de atividades no Ambulatório Escola, nessa quarta-feira (16). 



“Temos o desejo de trabalhar a saúde do idoso de forma integral. Nosso objetivo é trazer para essa população mais qualidade de vida, através da orientação e de encaminhamentos para as consultas com os especialistas. A pessoa acima dos 60 anos muitas vezes já não tem mais atividade laboral e se sente cansada de ficar com tempo livre em casa. Por isso, convidamos para que venha participar do grupo de idosos do Ambulatório Escola. A gente trabalha educação e saúde, atividades de lazer, passeios, orientações sobre os mais diversos aspectos da vida e do cotidiano. É um espaço importante de convivência e de troca de experiências”, destaca Lívia Firmino, enfermeira no Ambulatório Escola da FMP/Fase. 

Ao longo do dia foram oferecidas atividades relacionadas à prevenção de ISTs (infecções sexualmente transmissíveis) e sexualidade, alimentação, prática de Atividade Física, Saúde mental e física. Além disso, os idosos participaram de atendimentos para aferição de pressão e glicemia.



“É uma distração, porque a gente conhece novas pessoas, conversa sobre vários assuntos. Além disso, tem as consultas médicas e a gente consegue acompanhar com mais facilidade como está a nossa saúde”, comenta Robertina Lúcio de França, aposentada.

Ao perceber a dificuldade da população idosa, que está mais ativa sexualmente, sobre o entendimento das iniciativas de prevenção às infecções que podem ser transmitidas, a aluna de Enfermagem, Suzana Martins, decidiu usar o tema como pesquisa para aplicar no trabalho de conclusão do curso. O objetivo é aumentar o número de diagnósticos na cidade, para que sejam realizados os tratamentos adequados. 

“O meu interesse por esse assunto surgiu durante a prática em Atenção Básica da Saúde. Percebi que quando a gente falava de aconselhamento e de IST era sempre para o público mais jovem. Após várias pesquisas, notei a deficiência para se passar informações sobre as infecções sexualmente transmissíveis para os idosos. A sífilis é a mais evidente entre os casos na cidade. Apesar de muitos profissionais serem qualificados para abordar o tema, se sentem constrangidos para falar sobre sexo com os mais idosos e os pacientes, por sua vez, sentem vergonha de questionar os profissionais de saúde”, destaca Suzana Martins, aluna do 9º período de Enfermagem da FMP/Fase.

O grupo de idosos do Ambulatório Escola funciona às quartas-feiras, às 13h30, em Cascatinha. A reunião é aberta a todos os interessados acima de 60 anos. “O idoso às vezes pensa que com a idade avançada já não vai conseguir fazer mais nada. Mas aqui, a gente se exercita, conversa e aprende a fazer muitas coisas. Quanto mais a gente incentiva os idosos, mais força encontramos para poder viver com qualidade”, finaliza Joaquim Lima, aposentado e ex massoterapeuta do Flamengo.

Fase promove II Semana de Odontologia e I Meeting de Odontologia Estética de Petrópolis

A Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para a II Semana de Odontologia e I Meeting de Odontologia Estética de Petrópolis. Os eventos serão realizados nos dias 16 e 17 de outubro, das 08h às 17h30, no campus da faculdade. 

Prótese total será o tema de abertura do evento. Por ser um assunto que tem constante demanda da população, mas que gera dúvidas em meio aos profissionais, a palestra promete esclarecer algumas questões sobre possibilidades e limites terapêuticos. O palestrante será o Cirurgião Dentista Walter Fialho, especialista em Prótese Dentária e Mestre em Odontologia, área de concentração em Dentística. 

Várias novidades sobre a área da Odontologia serão debatidas e apresentadas durante os dois dias do evento. Entre elas, Cimentação adesiva; Antes da estética; Estado da arte em laminados anteriores (lentes de contato); O uso da odontologia digital nas reabilitações estéticas; e Restaurações cerâmicas sobre implante. 

“Integrar a comunidade odontológica à faculdade, que é um polo de produção científica onde todos colaboram e se enriquecem de conhecimentos, é a nossa proposta. Esse ano pensamos em expandir o evento de odontologia para que os profissionais da região possam ser favorecidos também com a troca de informações e a construção de conhecimentos que o evento fomenta. Atualmente, a gente percebe que muitos dentistas estão cada vez mais isolados em seus consultórios e com pouco tempo de buscar novos conhecimentos. Então, queremos que eles venham compartilhar conosco e conhecer o que há de mais moderno na área de odontologia restauradora. Por isso, montamos uma grade bem diversa, com profissionais muito qualificados”, explica o professor Rudá Moreira, Organizador da II Semana de Odontologia e do I Meeting de Odontologia Estética de Petrópolis. 

Além das palestras, os participantes também terão a oportunidade de participar de oficinas sobre “Uso dos agregados plaquetários na rotina clínica”, com Rafael Coutinho, especialista em Implantodontia, “Construindo facetas diretas com auxílio de matrizes pré-fabricadas U Venner. Uma técnica simples e eficiente”, com Luiz Schwartz, especialista em Prótese Dentária e Gestão Estratégica nas Organizações de Saúde, “Resinas posteriores: eficácia e qualidade”, com Fábio Pinheiro, especialista em Dentística e em Ortodontia, “Retentores intrarradiculares: conceito KISS ‘Keep it stupidly simple’, com Sandro Bom, mestre em Clínica Odontológica. 

As atividades serão realizadas na Sala Arthur de Sá Earp Neto e nos laboratórios de práticas odontológicas. Outras informações e as inscrições devem ser feitas no site: www.fmpfase.edu.br.

Técnicas de Negociação

Despertar habilidades básicas de relacionamento, estratégia e negociação, preparando os participantes para que sejam solucionadores de conflitos, identificando e separando pessoas dos problemas, problemas de soluções é a proposta do curso de extensão em Técnicas de Negociação da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase), que está na décima turma. As aulas serão realizadas no campus da faculdade, nos dias 09 e 23 de novembro (sábados), das 14h às 18h30. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Sustentabilidade e denúncias ambientais

No dia 19 de outubro (sábado), das 09h30 às 17h30, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) vai oferecer o novo curso de Extensão em Elaboração de Projetos de Sustentabilidade e de Denúncias Ambientais. A proposta é capacitar os participantes para que possam agir pela solução de problemas ambientais em suas localidades de residência ou atuação profissional, contribuindo para a sustentabilidade socioambiental através da formação do “sujeito ecológico”. As inscrições e outras informações estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Oncologia

Orientar os profissionais de Enfermagem sobre prevenção, detecção precoce, tratamento e cuidados paliativos em pacientes com câncer é o objetivo do curso de extensão básico em Oncologia para área de Enfermagem da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) que está na terceira turma. As aulas serão realizadas nos dias 23, 24 e 25 de outubro, das 18h às 21h. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.