sexta-feira, 8 de junho de 2018

Curso de Odontologia promove debates reunindo diversas áreas do conhecimento


“Fissuras labiopalatinas: a importância do tratamento interdisciplinar”. Esse foi o tema escolhido pelo curso de Odontologia da FMP/Fase para nortear as discussões do evento que aconteceu na quarta-feira (06), na instituição. A programação contou com profissionais renomados na área, como o cirurgião plástico e coordenador da Operação Sorriso do Brasil, Henrique Cintra, debates sobre aspectos genéticos, cirurgias, e as formas multidisciplinares de abordagem da doença, com as visões das áreas de Odontologia, Enfermagem, Nutrição, Fonoaudiologia e Psicologia.

Compondo a mesa de abertura, da esquerda para a direita: Vera Soviero, coordenadora do curso de Odontologia da FMP/Fase; Paulo Cesar Guimarães, diretor da Faculdade de Medicina de Petrópolis; Maria Isabel de Sá Earp de Resende Chaves, supervisora geral da FMP/Fase; e Abílio Aranha, coordenador geral de ensino da FMP/Fase.

Palestra com o cirurgião plástico, Henrique Cintra, sobre “a importância do tratamento interdisciplinar das malformações congênitas faciais mais comuns em todo o mundo”.

 


Da esquerda para a direita: Bruno Dias, professor de Odontologia e organizador da semana da FMP/Fase; João Medeiros, cirurgião plástico; Henrique Cintra, cirurgião plástico; Vera Soviero, coordenadora do curso de Odontologia da FMP/Fase; Paulo Cesar Guimarães, diretor da FMP; Edelto dos Santos, professor do curso de Odontologia da FMP/Fase; Diogo Franco, cirurgião plástico.

Palestra com a nutricionista e fonoaudióloga, Scheila Marques, sobre “Amamentação e cuidados nutricionais dos pacientes com fissura labiopalatina”.

Palestrantes , professor e alunos da FMP/Fase da comissão organizadora do evento.
 

Palestra com o enfermeiro e professor da FMP/Fase, Renato Duarte, sobre “atuação da enfermagem no tratamento de pacientes com fissuras labiopalatina”.
 

Palestra com o médico pediatra e professor da FMP/Fase, Álvaro Veiga, sobre “a atuação do pediatra diante das malformações faciais”.

Palestra com a psicóloga, Lucimara Rase, sobre “a atuação do psicólogo no tratamento de pacientes com fissura labiopalatina: tratando dos pacientes e de toda família”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Departamento de Comunicação Faculdade Arthur Sá Earp Neto e Faculdade de Medicina de Petrópolis