segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Seminário apresenta resultados do Projeto ArticulAção


A equipe do projeto ArticulAção, do Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Petrópolis (CDDH), promove na Faculdade Artur Sá Earp Neto- FMP/Fase, o Seminário sobre "Juventude, Pesquisa Comunitária e Educação Popular", que irá divulgar resultados parciais do trabalho de pesquisa realizado com jovens moradores de comunidades da periferia de Petrópolis. O seminário acontece dia 26 de novembro, de 09 às 17h, e é gratuito.

O evento é resultado do trabalho realizado há mais de um ano, por educadores populares em três comunidades da cidade. O objetivo principal é ampliar o debate sobre a criminalização da juventude. Na ocasião serão lançadas três publicações elaboradas a partir do projeto. Entre elas, mapas feitos pelos próprios jovens a partir da técnica da cartografia social, que registra, através de relatos dos moradores, os lugares de referência das localidades onde moram.

Desde o início de 2014 o Projeto ArticulAção, que é patrocinado pela Petrobras e pela DKA Áustria e executado pelo CDDH, realiza uma pesquisa-intervenção nas comunidades Independência, Caxambu e Madame Machado, em que jovens pesquisadores buscam encontrar um diagnóstico da realidade da juventude moradora dessas regiões. Desta forma a equipe elabora ações que visam potencializar as próprias oficinas realizadas na região e instigar o protagonismo juvenil nestes espaços.

No ano passado a equipe promoveu o Fórum sobre 'Fé e Política', que reuniu um público diversificado, no salão principal da sede do CDDH, já em março de 2015 o grupo realizou o Fórum sobre a 'Produção social do risco e a violação do direitos à moradia', ambos temas que traduzem um pouco da realidade vivida nessas regiões.

Vários educadores populares e jovens pesquisadores fazem parte da equipe multidisciplinar do articulação. São psicólogos, historiadores, cineastas, atores, assistentes administrativos e assistentes sociais, além do maestro responsável pelo Coro Nheengarecoporanga (um dos Núcleos de atuação do projeto), que se dividem em atividades diárias nas comunidades e na sede da organização.

Desde o início da execução do projeto, dezenas de jovens foram assistidos pela iniciativa e, entre as conquistas reconhecidas até então, estão o incentivo à participação da juventude nas questões relativas à comunidade e a criação de quintais agroecológicos.

É com o intuito de contribuir para a construção de políticas públicas para as áreas da infância e adolescência, bem como para a desnaturalização de termos comumente associados a essa discussão, que os idealizadores realizam este evento, abrindo espaço para a ampliação dos debates, que têm como principal público-alvo os atores do sistema de garantia de direitos dessa parcela da população.

Assim como em todas as atividades realizadas pelo projeto, o seminário do dia 26/11 será gratuito e, entre os palestrantes já estão confirmados, estão o teólogo e filósofo Leonardo Boff, presidente do CDDH, o Sociólogo e professor Luiz Gonzaga de Souza Lima, a coordenadora do Sindicato dos Professores de Petrópolis-Sepe, Rose Silveira, o Coordenador do Projeto ArticulAção, Rafael Coelho Rodrigues, além de representantes dos movimentos União Jovem Socialista (UJS), Aliança Revolucionária Proletária Jovem (ARPJ) e União da Juventude Comunista (UJC). No dia serão realizadas ainda, apresentações do Núcleo de Musicalização e Funk Andaiuê e do Núcleo de Musicalização e Canto Coral Nheengarecoporanga, ambos do projeto ArticulAção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Departamento de Comunicação Faculdade Arthur Sá Earp Neto e Faculdade de Medicina de Petrópolis