quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Projeto social da FMP/Fase doa 10 cadeiras de rodas



“O anel que abre uma lata abre também o coração de quem doa e o sorriso no rosto de quem recebe”. Com esse lema, a campanha Anel de Solidariedade, da FMP/Fase, realizou uma grande entrega de Natal, nessa terça-feira (17), doando 10 cadeiras de rodas para pessoas portadoras de deficiência motora, em parceria com a Associação Pró-deficientes de Petrópolis.

A ocasião foi marcada por muita emoção, já que em apenas um ano e meio de projeto foram doadas 19 cadeiras, um resultado que motiva seus idealizadores a continuarem com a campanha. “Muitos não acreditavam no sucesso da campanha, diziam que era “utopia” e a gente provou que quando se quer se faz. Agradeço a todos que sempre nos apoiaram, pois a iniciativa pode ter sido nossa, mas é graças a eles que a campanha mantém a força e sempre beneficia famílias carentes”, revelou Patrícia Ferreira, aluna do 5º ano de Medicina.

As cadeiras foram entregues a famílias de diferentes localidades de Petrópolis, como foi o caso de Lúcia Maria dos Santos Camilo, que representou a filha, de 36 anos, moradora do Centro. “Antes, a minha filha tinha uma vida normal. Agora, por conta de um abcesso, teve uma parada cardiorrespiratória que a deixou inconsciente, e hoje ela depende de tudo. A cadeira vai devolvê-la ao convívio social, pois ela já está há um ano na cama”, disse Lúcia Maria.

A diretora da Fase, Maria Isabel de Sá Earp de Resende Chaves, ressaltou a importância desse tipo de ação social no ambiente acadêmico. “Temos que valorizar iniciativas que os estudantes fazem fora de suas obrigações. Essa campanha nos mostra que a Medicina tem muito a nos ensinar, que ela é muito mais do que cuidar com remédio, ela depende também de amor, e isso os livros não ensinam. Entregar essas 10 cadeiras tão próximas do Natal é comemorar um Natal de amor, de solidariedade e paz”, salientou.

O presidente da Associação Pró-Deficientes de Petrópolis, Marcelo da Silveira, acredita que a campanha poderá crescer ainda mais no ano que vem. “A entrega dessas cadeiras mostra que é possível, através de um lacre, transformar vidas. Vamos, em 2014, disseminar ainda mais a campanha, através da associação de moradores e dos comerciantes de cada região, para que a adotem e ajudem o próximo”, afirmou Marcelo.

“Em um mundo onde a falta de amor é tão grande, é muito bom você ver a solidariedade das pessoas, a preocupação com o próximo. Eu sempre participei de ações sociais e hoje estou do outro lado, sendo beneficiada”, contou Roselly Gomes de Andrade, que recebeu a cadeira para a mãe, de 77 anos, que sofreu dois acidentes vasculares cerebrais.

Também participaram do evento, o diretor da FMP, professor Paulo Cesar Guimarães, o coordenador geral de Ensino, professor Abílio Aranha, e o coordenador de Projetos e Extensão, Ricardo Tammela.

A campanha

A campanha surgiu de uma iniciativa de alunos do curso de Medicina da FMP/Fase, em março de 2012, que graças a uma parceria com a empresa FRATO Ferramentas, transforma anéis de alumínio em cadeiras de rodas. Desta forma, cada 120 garrafas Pet cheias de anéis (aproximadamente 80 kg de alumínio) equivalem a uma cadeira.

Em 2014, a campanha para arrecadação de anéis de alumínio continua. Os interessados em contribuir com a causa podem entrar em contato através do e-mail anelsolidario@yahoo.com.br ou entregar o material no Centro Cultural da FMP/Fase (Av. Barão do Rio Branco, 1003 – Centro).







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Departamento de Comunicação Faculdade Arthur Sá Earp Neto e Faculdade de Medicina de Petrópolis