quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Nova coordenação do curso de enfermagem

A professora e doutora em enfermagem Miriam Heidmann assume em janeiro a coordenação do curso de enfermagem da FASE.

Após oito longos e profícuos anos, a professora Vivina Lanzarini, criadora e coordenadora do nosso curso de Enfermagem, pede licença para descansar um pouco, e solicita-nos sua substituição.

"Nunca é demais lembrar que o projeto do curso de Enfermagem recebeu grau máximo do MEC na sua autorização e no seu reconhecimento. E também não é menos importante recordar que, dos primeiros tempos, com uma equipe local de enfermeiros quase totalmente desprovida de docentes com titulação, o curso de Enfermagem evoluiu para um quadro de professores com mais de 80% de mestres e doutores. Ressalte-se que, nesse aspecto foi marcante a contribuição da nossa Coordenadora, que usou de seu prestígio pessoal para manter professores experientes e titulados que convidou para se integrarem ao curso de Enfermagem, enquanto inseria nos programas de mestrado e doutorado todos os docentes de Petrópolis, sem exceção, que se dispusessem a enfrentar o desafio de cumprir os requisitos para a outorga dos títulos correspondentes.", comentou a supervisora geral da FASE/FMP, Maria Isabel de Sá Earp Resende Chaves.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Projeto Recicla Ação


A FASE é um dos pontos de coleta do projeto Recicla Ação que visa difundir o hábito de reciclar em todos os locais onde existam eletrônicos, pois em algum momento, eles serão substituidos por perda de função ou obsolência.
Se você tem baterias, computadores, monitores, celulares ou qualquer outro eletrônico que não é mais utilizado, doe!!
* O ponto de arrecadação é o Centro Cultural FASE.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

FMP conquista mais um programa de Residência Médica

A Faculdade de Medicina de Petrópolis acaba de conquistar mais um Programa de Residência Médica – Residência Médica em Medicina Intensiva, a ser desenvolvida no Hospital de Ensino Alcides Carneiro. A Portaria Conjunta do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação foi publicada esta semana no Diário Oficial da União. O projeto aprovado concorreu ao edital lançado pelos dois Ministérios, que tinha por objetivo atender às necessidades de formação de médicos especialistas em áreas estratégicas nacionais. A Faculdade de Medicina de Petrópolis já oferece as residências nas áreas de anestesiologia, cirurgia geral, clínica médica, medicina de família e comunidade, neonatologia, obstetrícia e ginecologia e pediatria.
Esta é, mais uma vez, uma oportunidade de qualificação do Hospital de Ensino Alcides Carneiro, por intermédio da atuação da Faculdade e em parceria com os poderes públicos Municipal e Federal.
As bolsas serão pagas pelo Ministério da Saúde – é mais um programa de formação de RH, sem ônus para o município que valoriza o HAC e aumenta a sua força de trabalho, pois o residente é um médico-aluno.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Atividade da Liga do Trauma no Museu Imperial

São inúmeras e diversificadas as situações que possibilitam a ocorrência de eventos que requerem atendimento de urgência, em ambientes onde transitam muitas pessoas, seja em virtude de pequenos acidentes como por exemplo tombos, que podem produzir traumatismos e lesões, seja ainda em virtude da própria condição momentânea de cada indivíduo.

Torna -se, entretanto, imprescindível que organizações que trabalham com o grande público tenham pessoas habilitadas para prestar o que conhecemos atualmente como: “ Atendimento de Suporte Básico a vida ”. Esse atendimento prioriza quais são as primeiras providências que devem ser tomadas, em caso de determinados incidentes, até que o socorro qualificado chegue ao local.

Depois de algumas conversas com o setor administrativo do Museu Imperial, a FASE percebeu uma grande demanda em relação a este tipo de treinamento para os colaborados do mesmo. Atendendo a solicitação do Museu, em parceria com a Liga do Trauma do Curso de Medicina foi organizado um treinamento visando oferecer noções básicas desse tipo de atendimento.

O treinamento foi realizado ontem, segunda-feira, durante todo o dia, aproveitando que o Museu Imperial estava fechado para visitação. A atividade foi dividida em duas etapas: Teórica e prática.

Na parte da manhã , os colaboradores assistiram palestras sobre o tema, seguidas de debate e na parte da tarde colocaram em prática todo o conteúdo aprendido.

Segundo Lorena de Souza – colaboradora do Museu : “ Uma lição que podemos tirar desse treinamento é lembrar que qualquer pessoa pode e deve aprender o que fazer se vier a enfrentar uma situação semelhante. As medidas de Suporte Básico de Vida podem salvar uma pessoa e são bem simples. ”

O Pagador de Promessas

* Peça apresentada por alunos do Curso de Teatro da FASE.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

FASE prepara treinamento para funcionários do Museu Imperial


No dia 29 de novembro, os funcionários do Museu Imperial participarão do Treinamento de Atendimento de Emergência, preparado pela equipe da Liga do Trauma da Faculdade de Medicina de Petrópolis / FASE.

A ação destina-se, em especial, aos colaboradores que lidam diretamente com o público, tais como seguranças, recepcionistas, monitores e equipes dos eventos, garantindo, assim, a segurança dos visitantes. Em casos de urgência, esses funcionários estarão aptos a realizarem um primeiro atendimento até que cheguem profissionais médicos qualificados.

“O Museu recebe um público diverso, incluindo crianças, e em quantidade elevada, o que requer alguns cuidados. Um deles é o bem-estar e a saúde dos visitantes”, ressaltou o coordenador administrativo do Museu Imperial, Sérgio Abrahão.

O treinamento consiste em aulas teóricas e práticas, cujo objetivo é preparar os funcionários para lidarem com situações de emergência, em casos de acidentes ou problemas de saúde. De acordo com um dos responsáveis pela Liga do Trauma da Faculdade de Medicina de Petrópolis, Mário Amaral, o treinamento vai possibilitar que os funcionários e colaboradores do Museu possam lidar de forma correta nessas situações, minimizando os riscos para os pacientes. “O objetivo é preparar para que essas pessoas possam dar o atendimento inicial para quem tenha algum problema até a chegada do socorro. Esse atendimento é importante para a manutenção da vida do pacientes mas, é importante que as pessoas saibam que é preciso preparo para lidar com essas situações”, explicou.

A escolha da Faculdade de Medicina de Petrópolis se deu por esta ser uma instituição de ensino qualificada para oferecer esse tipo de treinamento, além de já haver um histórico de parcerias entre as instituições, com projetos que aproximam os estudantes do Museu. Ao ser procurada, a universidade entendeu a demanda e se prontificou a apoiar a iniciativa.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Novos cursos de graduação


A Faculdade Arthur Sá Earp Neto lança 4 novos cursos de graduação. São cursos superiores de tecnologia na área de gestão: Gestão Ambienta; Gestão de Recursos Humanos, Gestão Pública e Secretariado, com durante de 2 anos cada.
A prova de vestibular será dia 05 de dezembro, faça a inscrição no site www.fmpfase.edu.br

O Alcides Carneiro e o Interesse Público

O ALCIDES CARNEIRO E O INTERESSE PÚBLICO
Gastão Reis

Nas eleições de 2008 para prefeito e vereadores, eu me lembro bem do entusiasmo de partidos e de políticos quando surgiu a notícia de que a Câmara Municipal de Petrópolis poderia ter o número de vereadores ampliado de 15 para 19 ou mesmo 21. Na mesma época, uma pesquisa levada adiante por um jornal local via internet apresentava um quadro diametralmente oposto: uma amostra representativa dos eleitores petropolitanos deixava claro que cerca de 80% dos pesquisados eram contra essa ampliação das cadeiras de vereança e uma percentagem significativa achava mesmo que deveria diminuir. Esse racha entre a população e seus representantes era, é e será sempre preocupante quando acontece. No plano federal, a lei da Ficha Limpa, nascida fora do Congresso por iniciativa popular, é um outro exemplo dessa falta de sintonia fina entre a Nação e aqueles que a representam. Em especial, quando temos em mente que não havia clima no Congresso para que ela fosse adiante naquela casa. Representantes devem ser fiéis, espera-se, aos anseios de seus representados.
Este intróito nos alerta para o que está acontecendo com o Hospital Alcides Carneiro - HAC. Eu já tive a oportunidade de assistir a três apresentações sobre o trabalho que vem sendo realizado pelo SEHAC – Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro. O SEHAC, criado por lei aprovada pela Câmara Municipal de Petrópolis e mantenedor do HAC, é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos e com fins sociais, ligada ao setor público, porém não-estatal. Seu Conselho Deliberativo é formado por pessoas de moral ilibada, cujo histórico de vida se mantém fiel à defesa dos interesses maiores da comunidade petropolitana.
Tive, portanto, a oportunidade de acompanhar de perto a revolução que vem sendo feita no HAC em benefício de nossa população. O primeiro passo foi estabelecer um processo de gestão profissional com o estabelecimento de metas a serem atingidas, determinadas pelo poder público municipal através da Secretaria de Saúde, com concomitante definição de indicadores de acom-panhamento de desempenho do que se pretende atingir. Cuidados foram tomados para evitar que o modelo de gestão fosse questionado. Um dos membros do Conselho Deliberativo do SEHAC, jurista de reconhecido saber, deu sua contribuição para montar uma blindagem institucional que respeitasse criteriosamente a legislação existente e, ao mesmo tempo, abrisse espaço para que o HAC pudesse ser gerido em novas bases. Aquelas capazes de efetivamente atender às necessidades dos munícipes sem os problemas recorrentes denunciados antes, com freqüência, pela imprensa local.
Implantado o SEHAC, teve início o processo de detecção de desperdícios e de retreinamento e expansão das equipes de atendimento nos moldes de uma nova cultura de eficiência e eficácia, ou seja, de fazer certo a coisa certa na clarividente definição de Peter Drucker, o guru dos gurus em matéria de gestão cinco estrelas.
Dentre muitos itens de desperdícios cortados, merece registro um deles, que proporcionou uma economia anual de R$ 480 mil em combustível utilizado pela caldeira do hospital. Outros benefícios como a criação de 450 novos empregos geradores de salários também são significativos. O fato de ter sido credenciado como hospital de ensino permitiu que o aporte anual do Ministério da Saúde saltasse de 6,4 para 21,4 milhões de reais. A própria prefeitura, que antes arcava com um custo anual de manutenção de quase R$ 24 milhões, hoje contribui com cerca de R$ 14 milhões. Importante ressaltar que os atuais atrasos nesses repasses seriam muito maiores se o valor do aporte fosse o anterior. As melhorias substanciais na clínica médica, na ginecologia, na maternidade, na UTI e na UTI neonatal, tudo isso com prestação de contas regulares, compõem um quadro em que a grande beneficiária é a população da cidade. Mais ainda: a FASE – Faculdade de Medicina já dá sua contribuição ao município pelo uso do hospital ao destinar recursos mensais ao pagamento de médicos, enfermeiros e professores que trabalham no HAC, além de ter investido na modernização da gestão e da infraestrutura do Hospital, só nos últimos dois anos, mais de R$ 4.000.000,00 em obras e equipamentos.
Merecem registro à parte, pela relevância, quatro outros fatores. O primeiro é o grau de satisfação de 85,7% dos usuários dos serviços de saúde do HAC. Cerca de nove em cada dez! O segundo foi a decisão, por unanimidade, do Conselho Municipal de Saúde, com ampla representação da população, de apoiar e reconhecer as mudanças positivas implementadas pelo SEHAC. O terceiro é que o poder executivo municipal atual e o anterior compartilham da avaliação de que o SEHAC foi um avanço considerável na saúde municipal. O quarto é a posição de apoio ao SEHAC dos próprios funcionários do HAC.
Diante de tais fatos, repito, fatos, é difícil entender o posicionamento do Ministério Público e da CPIM – Comissão Parlamentar de Inquérito Municipal de propor o retorno da administração do hospital para a prefeitura. Em especial, quando todos sabemos que ela não tem condições financeiras para assumir esse encargo. O risco de se retornar ao lamentável quadro anterior de desperdícios e mau atendimento no HAC nos conduz à questão maior: onde fica o interesse público na saúde de Petrópolis? Foi esquecido?


*Gastão Reis é empresário petropolitano e economista.
**Texto publicado no Diário de Petrópolis 23/11/2010

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Curso de combate a hanseníase na cidade

A Secretaria de Saúde, por meio da Coordenação do Programa de Hanseníase, realizou pelo segundo ano consecutivo, o curso de combate e prevenção da hanseníase. As aulas foram ministradas no Centro Cultural da FASE e direcionadas a profissionais da Atenção Básica de toda a Região Serrana.
O trabalho realizado pela Coordenação de Hanseníase inclui ainda a distribuição de medicamentos gratuitamente, levando-os para o
Posto de Saúde mais próximo do endereço do paciente infectado para facilitar seu tratamento. Após este primeiro passo, são convocadas
as pessoas que moram na mesma casa (que são denominados comunicantes), para passarem por avaliação médica, uma vez que também
podem estar infectados, já que o contágio se dá de forma intradomiciliar.
O município de Petrópolis tem mantido uma série histórica de controle da endemia, com menos de um paciente por 10.000 habitantes, com taxa zero de abandono de tratamento.
A estratégia do Programa de Hanseníase tem se baseado nas ações do GT/Hansen/Conasems: capacitação de recursos humanos para suspeição diagnóstica; capacitação dos profissionais da área de saúde para promover o diagnóstico e tratamento precoce, visando a cura sem sequelas; e educação da comunidade objetivando a diminuição do estigma e da discriminação do paciente e familiares.
Em 2010, além de contemplar os objetivos anteriores, mantendo a capacitação das equipes de saúde, foram redobrados os esforços para uma adequada vigilância dos comunicantes.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

FASE/FMP firma parceria com a FIOCRUZ


Após alguns meses a Faculdade Arthur Sá Earp Neto firmou o convênio com a FIOCRUZ – Fundação Oswaldo Cruz – para desenvolvimento de pesquisa científica na área da imunologia. O extrato do convênio foi publicado no Diário Oficial no dia 16 de novembro.
Esse convênio compreende a instalação de um laboratório de pesquisa da própria FIOCRUZ na FMP, no espaço antes utilizado pelo Laboratório de Biofísica, especialmente cedido para esse fim.
O Pesquisador responsável é o Prof. Dr. José Mengel, e a finalidade do Laboratório de Imunologia é o desenvolvimento de pesquisa científica e formação de recursos humanos na área de doenças crônico-degenerativas, com ênfase em doenças auto-imunes e alérgicas e suas interfaces com infecções parasitárias e virais.
Este Laboratório permitirá a articulação entre docentes da FMP/FASE e pesquisadores da FIOCRUZ, tanto na realização de pesquisa como no ensino, e abrirá para os nossos alunos a possibilidade de participar de programa de iniciação científica.
O novo projeto ficará integrado à Coordenação de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão, coordenada pelo Prof. João Miranda, instância responsável pelo desenvolvimento desse projeto institucional.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Residência Médica FMP 2011

Estão abertas as inscrições para o concurso de Residência Médica para 2011 na Faculdade de Medicina de Petrópolis. As vagas são para as especialidades de Anestesiologia, Cirurgia Geral, Clínica Médica, Medicina de Família e Comunidade, Neonatologia, Obstetrícia e Ginecologia e Pediatria.
Podem se inscrever médicos e estudantes de medicina que tenham concluído do curso este ano, ou com previsão para até 31 de janeiro de 2011. As inscrições podem ser feitas na FMP-Fase, que fica na Avenida Barão do Rio Branco nº 1003, Centro, até o dia 30 de novembro, ou pelo site www.fmpfase.edu.br. Neste caso o envio dos documentos deverá ser enviada via sedex.
A Residência Médica é um curso de pós-graduação Lato Sensu e a duração pode variar de um a três anos, dependendo da especialidade escolhida. O treinamento dos profissionais é feito na própria Faculdade e nos hospitais conveniados com a Fundação Municipal de Saúde de Petrópolis.

Campanha de Brinquedos


Este ano a FASE participa da Campanha de Doação de Brinquedos " Natal de Luz 2010", promovido pela Fundação de Cultura e Turismo e parceiro do Município.

Participe, faça sua doação na caixa situada no Hall principal da FASE ou compre um vale presente com alunos do 6º período de nutrição.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

PETRÓPOLIS GOURMET REALIZA OFICINAS EM COMUNIDADES DO MUNICÍPIO

Posse foi a primeira localidade a receber a cozinha itinerante

Semana passada começou mais uma etapa do Petrópolis Gourmet: o Gourmet nas Comunidades, com a realização de oficinas na Paróquia São João Batista no distrito da Posse. Na próxima semana será a vez da cozinha ser instalada no Alto da Serra, na Fundação Princesa Isabel. O objetivo é criar uma interação da comunidade com os chefs, ensinando às crianças e donas de casa novas receitas e principalmente o reaproveitamento de alimentos.
A primeira oficina foi no dia 08 com Ricardo Gonzalez, padeiro artesanal da Divino Segredo, que ensinou a fazer pães integrais. Na terça-feira foi a vez do pizzaiolo gourmet Pedro Pernambuco mostrar uma receita de grissinis e focaccias. Os grissinis são palitos crocantes servidos como acompanhamento para patês e manteiga e a focaccia é feita com uma massa básica igual de pizza, um pouco de alecrim e flor de sal (ou sal grosso). “Queria dar os parabéns à organização do evento pela iniciativa de levar às comunidades mais distantes essas oficinas. O que me deixou satisfeito e com a sensação de dever cumprido foi, ao chegar em casa, receber um e-mail de um dos participantes dizendo que preparou a focaccia em casa e que ficou uma delícia. Isso não tem preço”, disse Pedro.
O pizzaiolo também ministrou esta oficina no Gourmet Kids para alunos da Escola Municipal Augusto Pugnaloni. “Trabalhar com crianças é sempre muito gratificante, são participativos e tudo é divertimento. A idéia de proporcionar ao público infantil o contato com a gastronomia é importante para estimular o gosto pela área. No início os alunos chegaram desconfiados, tímidos, mas depois se soltaram e colocaram a mão na massa”, falou.
Na quarta-feira o público pode aprender com a chef Beth Muniz como reaproveitar integralmente os alimentos. “A receptividade e o interesse da comunidade foram ótimos, ensinei ótimas dicas para eles colocarem em prática dentro de casa e até mesmo como alternativa de renda, pois podem produzir geleias, bolos, dentre outros para vender também. Foi uma iniciativa muito interessante, ainda mais por ser uma área de cultivo”, explicou Beth.
O chef pizzaiolo Antônio Lo Presti apresentou no dia seguinte uma deliciosa e simples receita de pizza orgânica, bem ao tema do festival. “Preparar uma pizza artesanal é um desafio e uma arte a ser dominada. É criatividade a ser desenvolvida, onde o limite é a imaginação de cada um”, comentou o chef. Fechando a programação, mini bolinhos para festa com a professora Caroline Geoffrey, da FASE.
Nesses cinco dias mais de 200 pessoas participaram das oficinas oferecidas pelo Petrópolis Gourmet na cozinha itinerante instalada no distrito da Posse. Mais uma ação social promovida pelo festival, que está em sua décima edição e comemora o sucesso das atividades. “É um sonho realizado e a sensação de dever cumprido. Nosso grande orgulho este ano foi essa aproximação com as comunidades do município, me emocionei muito com o entusiasmo e o fato das pessoas levarem o que aprenderam para outros degustarem. Surgiram até outras ideias para o ano de 2011, como a capacitação de merendeiras das escolas e a realização de oficinas de gastronomia durante as festas das paróquias”, comentou o presidente do Convention Bureau, Flávio Câmara.
No dia 22 começa a programação no Alto da Serra, na Fundação Princesa Isabel, sempre às 14h. Confira:
22/11 - Oficina de pães integrais com Ricardo Gonzalez
24/11 – Alimentação: nada se perde tudo se transforma, com as professoras Maria Helena de Oliveira e Elenice Araujo
25/11 – Pizza orgânica com o chef pizzaiolo Antônio Lo Presti
26/nov – Cup Cake – Mini bolinhos para festa – Professora Caroline Geoffroy
E você que ainda não participou, participe, o evento vai até o dia 27 de novembro, na tenda montada ao lado do Hortomercado de Itaipava, e nos 28 restaurantes.

*Assessoria de imprensa - PCVB

Centro Cultural FASE - FMP: "Os Desafinados" no Cine Clube do Centro Cultural

Centro Cultural FASE - FMP: "Os Desafinados" no Cine Clube do Centro Cultural: "O Centro Cultural FASE - FMP, continua com as sessões de Cinema Nacional, mas dessa vez, exibindo filmes que traçam um retrato do Rio de Jan..."

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Encontro de ex-alunos

A turma de Medicina de 1980 comemorou 30 anos de formado no último sábado. Os egressos conheceram a nova estrutura da Instituição e visitaram a mostra CORPO: Anatomia, Arte e Tecnologia.

Participação e Qualidade

Participação e Qualidade, este é o slogan da chapa vencedora da eleição da Associação Brasileira de Educação Médica.
A escolha foi realizada no 48ª Congresso Brasileiro de Educação Médica, representantes de várias universidades do país fazem parte do conselho, inclusive a titular da Faculdade de Medicina de Petrópolis, Drª Derly Streit.
Ela foi nomeada diretora executiva da gestão 2010 - 2012.

Para conhecer mais sobre as propostas acesse: http://www.abem-educmed.org.br/pdf/plataforma_gestao_qualidade.pdf

Congresso Brasileiro de Educação Médica


Professores, alunos e colaboradores da Faculdade de Medicina de Petrópolis estiveram presentes no 48º Congresso Brasileiro de Educação Médica, entre os dias 27 a 30 de outubro em Goiânia.

O tema oficial foi “Uma Escola para o SUS: O lugar da Educação Médica no Sistema de Saúde Brasileiro”. A proposta foi construir um congresso que discuti, tanto aspectos específicos da Educação Médica, quanto aspectos da política de Saúde Pública, com importante enfoque na parceria ensino-serviço, através dos cenários oferecidos pelas secretarias municipais e estaduais de Saúde.

Século XXI, o cérebro do prazer e a conexão criativa

Tribuna de Petrópolis
Sáb, 06 de Novembro de 2010

No próximo dia 10 a Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP/Fase) será palco da palestra interativa O cérebro do prazer, a conexão criativa sob o comando de Lucio Abbondati Jr. – médico, produtor cultural, criador de jogos de mesa e tabuleiro, escritor; e de Lucia Vasconcellos Abbondati, também produtora cultural, escritora e consultora de linguagens simbólicas arquetípicas. O encontro tem entrada gratuita e será realizado às 18h no Auditório do Centro Cultural da instituição.
Lucio e Lucia são co-autores do livro Jogos & Soluções Interativas, lançado em 2007 pela Editora Qualitymark. Ambos também atuam como produtores, apresentadores e locutores para rádio e TV, tendo experiência, inclusive, com programas próprios.
Aberto ao público, o evento do dia 10 é dirigido a todos que desejam compreender melhor os novos cenários do século XXI, incrementando a performance cerebral e ampliando suas habilidades criativas nos diversos segmentos da vida – relacionamentos, atividades profissionais, saúde com qualidade e prazer pessoal.
Para compreender os desafios do século XXI, as habilidades e os conhecimentos apreendidos até agora são absolutamente insuficientes, pois não preparam nem o estudante nem o profissional a lidar com modelos e experiências totalmente novas, ou seja, sem precedentes.
“Fomos educados e treinados para sermos reprodutores de conceitos e processos, e organizadores de experiências – como catálogos –, por termos usado de forma inadequada nossos hemisférios cerebrais, esquerdo e direito”, explica Lucia.
Portanto, precisamos primeiro entender como nosso cérebro funciona e por que, durante cerca de 250 anos, limitamos tanto nossa capacidade criadora. As recentes descobertas da neurociência vêm reafirmar as condições necessárias para um aprendizado eficiente, bem como resgatam a importância de ferramentas prazerosas como amplificadores da ação criativa.
Os palestrantes Lucio e Lucia propõem ainda que esta compreensão nos habilita a mudarmos nossa percepção em relação a algumas doenças, ao estresse e às fobias sociais, assim como permite que pequenas alterações no cotidiano reduzam, drasticamente, as condições de doença e insatisfação pessoal e coletiva que assolam a sociedade atual, que vive a ambiguidade de uma super estimulação por um lado, e da sedação pelas mais diversas drogas, por outro.
No cérebro de cada um de nós estão as chaves para uma vida plenamente criativa, prazerosa e feliz. Esta é uma possibilidade real e o século XXI, com suas demandas imprevisíveis, nos instiga a encontrar as chaves para a conexão criativa que dará o salto quântico revolucionário em nossos modos de pensar, agir e ser.
A palestra acontecerá no dia 10 de novembro, quarta-feira, às 18h, no Auditório do Centro Cultural da Faculdade de Medicina de Petrópolis, que fica na Avenida Barão do Rio Branco, nº 1003, Centro. A entrada é gratuita e o encontro é aberto ao público.

Centro Cultural FASE - FMP: Mostra "Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia" foi ma...

Centro Cultural FASE - FMP: Mostra "Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia" foi ma...: "A INTERTV, afiliada da Rede Globo, produziu uma matéria sobre a Mostra 'Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia. Confira: Publicado em 05/11/201..."

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Centro Cultural FASE - FMP: Mostra "Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia" foi ma...

Centro Cultural FASE - FMP: Mostra "Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia" foi matéria da INTERTV, afiliada da Rede Globo

"A INTERTV, afiliada da Rede Globo, produziu uma matéria sobre a Mostra 'Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia. Confira: Publicado em 05/11/201..."

Centro Cultural FASE - FMP: Grupo de Idosos do Cascatinha visita a Mostra "Cor...

Centro Cultural FASE - FMP: Grupo de Idosos do Cascatinha visita a Mostra "Cor...: "Na tarde de hoje recebemos um grupo de idosas do Projeto Renascer: “ Para a melhor idade “ em visita à Mostra 'Corpo: Anatomia, Arte e Tecno..."

Vestibular FMP 2011

Estão abertas até o dia 29 de novembro as inscrições para o vestibular da Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP). Os interessados devem participar do processo seletivo para o concurso Vestibular 2010 da Fundação Cesgranrio. A prova será realizada no dia 6 de janeiro de 2011. A taxa é de R$ 100. Serão oferecidas 110 vagas para o curso de Medicina. A Faculdade de Medicina de Petrópolis recebeu nota máxima (5) na avaliação do Ministério da Educação (MEC), incluindo a instituição no rol das melhores faculdades do país de formação de alunos na área de Saúde. Entre os quesitos avaliados estão infraestrutura, gestão, corpo docente, grade curricular, pesquisa e responsabilidade da instituição na região em que atua. Os conceitos variam na escala de 1 (muito abaixo do adequado) a 5 (muito acima do adequado). As inscrições devem ser feitas pelo site - http://www.cesgranrio.org.br/ eventos/vestibulares/ vestibulares.html. A Faculdade de Medicina fica na Avenida Barão do Rio Branco, 1003 – Centro – Petrópolis – RJ Tel: (24) 2244-6464 (mapa de localização no site www.fmpfase.edu.br).

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Campanha de Natal


"Faça uma criança feliz neste Natal", este é o nome da campanha de doação de brinquedos promovida pela Fundação de Cultura de Turismo de Petrópolis, através do Natal de Luz 2010.

Várias instituições do município abraçaram a campanha, veja os pontos de arrecadação:

FASE - Avenida Barão do Rio Branco, 1.003 - Centro
Centro de Cultura Raul de Leoni - Praça Visconde de Mauá, 305 - Centro
Centro de Moda da Rua Teresa - Rua Aureliano Coutinho - Centro
FIRJAN - Rua Dom Pedro, 579 - CEntro
Palácio Rio Negro - Avenida Koeler, 255 - Centro
SICOMÉRCIO - Rua Irmãos D'Angelo, 48/cob. 4 a 6 - Centro
Sub-prefeitura de Petrópolis - Parque Municipal de Petrópolis - Itaipava
Theatro D. Pedro - Rua Nilo Peçanha, 51 - Centro


Os brinquedos serão recolhidos em dezembro e distribuidos a comunidades carentes de Petrópolis.

Mais informações: http://www.petropolis.rj.gov.br/index.php?url=http%3A//fctp.petropolis.rj.gov.br/fctp/

Participe!

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Centro Cultural FASE - FMP: "O Homem que desafiou o Diabo" no Cine Clube do Ce...

Centro Cultural FASE - FMP: "O Homem que desafiou o Diabo" no Cine Clube do Ce...: "O filme conta a história de Zé Araújo (Marcos Palmeira), um sedutor caixeiro-viajante, que cai nas garras de Dualiba (Livia Falcão), com que..."

A FASE participou ativamente da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2010, como já divulgamos no blog anteriormente.

A Exposição do Corpo, as Exposições da FIOCRUZ e o Circuito Tela Verde contribuíram diretamente para o grande sucesso de público da mesma.

Tivemos um alcance aproximado de mais de 300 pessoas. Este público foi composto por alunos das redes de ensino pública e privada da cidade, sociedade, colaboradores e alunos FMP / FASE.

A participação de nossa instituição foi de extrema relevância para a semana e firmou cada vez mais a parceria entre a FMP / FASE e a Secretaria de Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Agricultura de Petrópolis, principal organizadora do evento.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Exposições gratuitas sobre o corpo humano

O campus da Faculdade de Medicina de Petrópolis e da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) abriga três exposições sobre o funcionamento do corpo humano: Vias do Coração, Dengue e Corpo: anatomia, arte e tecnologia. As duas primeiras, assim como a mostra Circuito Tela Verde, com curtas amadores sobre a questão ambiental, fazem parte da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

“Essas exposições consolidam a FMP/Fase como referência na área de educação médica e em saúde. Além de formar médicos, acreditamos que é muito importante apresentar de forma lúdica ao público em geral como podemos prevenir doenças. Isso é importante principalmente para o público infanto-juvenil em fase de formação de hábitos que os acompanharão por toda a vida, como a alimentação e a prática de esportes”, explica o coordenador de projetos especiais da instituição, Ricardo Tammela.

As exposições são gratuitas e as escolas interessadas podem agendar visitas guiadas para seus alunos.

Vias do Coração e Dengue – As exposições integram o projeto Ciência Móvel – Vida e Saúde para Todos, um museu de ciências itinerante desenvolvido pelo Museu da Vida/COC/Fiocruz. O formato de Vias do Coração é compacto, estruturado em várias estações, de forma evolutiva e lúdica. Ricamente ilustrado, o conteúdo é distribuído por painéis, terminais com testes multimídia, vídeos em 3D, bancadas de microscópios, além da apresentação de modelos anatômicos por monitores.

Dengue traz informações sobre a propagação da doença no mundo desde a sua descoberta, em 1779, por David Bylon, até os dias atuais. Em painéis ilustrados, o visitante encontra informações sobre o vírus, o ciclo de transmissão da doença, os sintomas, além de curiosidades, como o número de ovos colocados pela fêmea do mosquito transmissor. As fases do ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti também poderão ser vistas no microscópio e em lupa. O objetivo é sensibilizar a população para combater a doença. Ambas exposições ficam em cartaz até o dia 24 de outubro.

Circuito Tela Verde – Serão exibidos 15 curtas. A exibição será no Auditório do Centro Cultural FASE – FMP, Casa Hercílio Esteves, nos dias 20 e 21 de outubro, das 9h às 12h.


Corpo: Anatomia, Arte e Tecnologia – A mostra, com cerca de 30 peças, apresenta de forma didática o papel desempenhado por cada sistema do organismo humano e está dividida em sete seções: cinco compreendendo os sistemas reprodutor, circulatório, respiratório, nervoso e locomotor e outras duas sobre diagnósticos médicos e tecnologia e sentidos.

A constituição óssea dos sistemas reprodutores feminino e masculino é mostrada na seção destinada ao nosso sistema de reprodução. Também estão expostos tórax, medula, corações, encéfalos e várias outras partes integrantes dos sistemas do corpo humano, finalizadas por uma peça de corpo inteiro demonstrando a harmonia entre os sistemas ósseo, articular e muscular. A exposição, que será realizada até 30 de abril, tem curadoria do médico e professor de anatomia Marco Aurélio da Fonseca Passos.


Local: Centro Cultural FASE / Faculdade de Medicina de Petrópolis – Casa Hercílio Esteves – Av. Barão do Rio Branco, 1.003 – Centro/ Petrópolis – RJ

Preço: Evento gratuito

Horário: Seg. a Sex. – 9h às 20h / Sábado – 9h às 13h

Pré-agendamentos: (24) 2244-6464
Telefone de contato: (24) 2244-6464
Classificação etária: Livre

ConSaúde declara apoio ao modelo de gestão do HAC

Fonte: Tribuna de Petrópolis
ROGERIO TOSTA

O Conselho Municipal de Saúde (ConSaúde) vai se reunir na próxima terça-feira, quando deve votar documento apoiando o modelo de gestão autônomo do Hospital Alcides Carneiro (HAC). A decisão foi tomada na noite de terça-feira, durante a reunião do Conselho, quando os conselheiros manifestaram preocupação com o atendimento à população e se o governo tem condições de assumir o Hospital, mantendo a qualidade do serviço prestado hoje pelo HAC.
Durante a reunião, foi proposta a criação de uma comissão para acompanhar todo o processo de discussão entre a Prefeitura e Justiça Federal e também no Sehac. A proposta foi do conselheiro Joel Martins, que endossou a reclamação dos conselheiros que o Conselho foi ignorado em toda discussão, que culminou com a decisão da Justiça Federal. “O Conselho não pode ficar fora desta discussão e por isso a comissão será importante para que possa informar ao Conselho o que está de fato ocorrendo e que medidas estão sendo tomadas”, frisou Joel.
Outra proposta, que não foi aprovada, foi uma Nota de Repúdio à Justiça Federal e aos ministérios públicos Estadual, Federal e do Trabalho, pela forma como a ação e a decisão aconteceu, sem ouvir os membros do conselho. “Na minha opinião foi uma ação arbitrária e que precisa de um posicionamento do Conselho, por isso acho que a nota de repúdio seria importante”, defendeu o conselheiro Paulo de Sá, que depois apoiou a elaboração de um documento de apoio ao Sehac em vez de uma nota de repúdio.
O conselheiro Thiago Pires considerou a proposta de elaborar o documento interessante, mas manifestou preocupação com o posicionamento do Conselho em declarar apoio ao modelo de gestão e a administração do Sehac. “Nem a Prefeitura e nem a administração do Sehac, através de sua diretoria e de seus conselhos, manifestou qualquer opinião e tampouco que medidas serão tomadas, porque o Conselho tem que sair na frente e declarar apoio ao Sehac. Na minha opinião, a Prefeitura precisa se posicionar primeiro e até agora não vimos nada”.
A secretária municipal de Saúde, Aparecida Barbosa, esclareceu que o governo está analisando a melhor medida a ser tomada, mas considera o momento importante para se discutir o modelo de contrato que foi estabelecido com o Sehac. A secretária afirmou que o Alcides Carneiro é um hospital público, “porém com autonomia, mas não independência”. Apesar dos questionamentos dos conselheiros sobre o posicionamento do governo, Aparecida Barbosa não fez nenhuma afirmação, deixando transparecer que a Prefeitura deve atuar no sentido de convencer o juiz federal Marcelo Bretas de que o modelo Serviço Social Autônomo é viável para o município.
Aparecida Barbosa foi clara ao afirmar para os conselheiros que existe uma decisão e que a Prefeitura terá que cumpri-la, mas frisou que a Secretaria não tem condições de administrar o HAC da forma como ele está hoje. “Se eu receber o Hospital hoje, vou recebê-lo dentro da estrutura pública existente, onde por característica própria as coisas não andam com a mesma agilidade que temos no Sehac”, frisou, citando como exemplo a quebra do tomógrafo no Alcides Carneiro e que foi consertado em menos de 24 horas, o que não aconteceu no Hospital Municipal, quando o mesmo equipamento quebrou e ficou esperando pelo trâmite normal da administração pública.

Haddad espera grande adesão de universidades ao Fies sem fiador

Brasília – Após o anúncio, nesta quarta-feira, de que o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) não terá mais a exigência de fiador para alunos de baixa renda e de licenciaturas, o ministro da Educação, Fernando Haddad, disse que acredita em uma grande adesão das universidades ao novo modelo. Segundo ele, todas as instituições de ensino que já fazem parte do programa devem aderir ao Fies sem fiador até o fim do ano.

Para oferecer essa opção ao aluno, a universidade precisa concordar com a retenção de recursos para a composição de fundo garantidor que também terá a participação da União. Dos recursos recebidos pela universidade referentes às mensalidades dos alunos do Fies sem fiador, 7% deverão ser repassados ao fundo.

“Temos a perspectiva de até o final do ano todas as instituições que participam do Fies participem do Fies sem fiador porque a retenção é muito baixa. O que exceder 7% é por conta do Tesouro Nacional se houver necessidade de aporte”, disse em coletiva após o evento.

Para Haddad, as instituições de ensino terão interesse em aderir à iniciativa porque ganharão novos alunos. Além disso, o índice de inadimplência nas instituições de ensino superior hoje é de 17% e o pagamento repassado pelas mensalidades de quem tem o Fies é feito em dia. “Elas [universidades] tem uma inadimplência de 17% e o Fies paga rigorosamente em dia e são alunos novos, que não podem pagar e não têm fiador. É uma demanda nova que ela vai absorver.”

A dispensa de fiador é válida para os alunos dos cursos de licenciatura, para os que tem renda familiar mensal per capita até um salário mínimo e meio e os bolsistas parciais do Programa Universidade Para Todos (Prouni) que optem por inscrição no Fies no mesmo curso em que são beneficiários da bolsa.

Segundo o ministro da Educação, pesquisas mostraram que os estudantes que não conseguem fiador estão concentrados, predominantemente, na faixa de renda abrangida pela medida anunciada hoje. Ele explicou que o Ministério da Educação irá abrir um prazo para que as instituições possam aderir ao Fies sem fiador.

Fonte: Jornal O DIA

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Grupo Florescer completa 7 anos

Na próxima terça-feira (26/10) o Grupo Florescer, do Posto de Saúde da Família da Estrada da Saudade faz aniversário. A festa acontece a partir das 14 horas.

Desde 2003, a comunidade junto com os profissionais da saúde montaram um grupo que promove atividades manuais para aumentar a renda das mulheres.

De acordo com a agente Sueli Vieira a iniciativa ajuda também a integração e muitas participantes contam relatos de melhoria da auto estima, depressão e controle da hipertensão, graças as ações de promoção da saúde, realizadas com o grupo: "É fortalecida assim, a relação médico, estudantes da FMP e a comunidade de uma forma bastante eficaz".




Atualmente, além das atividades rotineiras, como aulas de bordado e pintura em tecido, o Grupo Florescer promove festas e comemorações temáticas, almoços, passeios e viagens, bem como uma exposição e venda anual do artesanato produzido pelas integrantes como forma principal de arrecadação de renda.

Ao todo, participam do projeto cerca de 80 mulheres.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Encontro Técnico Setorial

Estudantes do 6º período de administração organizaram um encontro técnico setorial. O objetivo do evento é discutir o mercado de trabalho, se há profissionais em Petrópolis para atender às demandas das empresas, além de construir através de um bate-papo o perfil desse profissional e os novos parâmetros da administração.

O encontro acontece amanhã (21/10) às 19 horas na sala 18.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

FASE lança curso preparatório para babás e gestantes

Oportunidades para nutricionistas

Pouco menos de um mês a Nestlé divulgou a criação de uma unidade focada na produção de alimentos e bebidas com benefício a saúde, isso quer dizer mais mercado para a nutrição.
Nestlé cria subsidiária para atuar na área da nutrição da saúde
Valor OnLine
SÃO PAULO - A Nestlé anunciou hoje a criação de uma nova unidade e de um centro de pesquisas focados na produção de alimentos e bebidas com benefícios à saúde. Segundo informou hoje a empresa em nota, a unidade Nestlé Health Science e o instituto Nestlé Institute of Health Sciences atuarão no desenvolvimento do segmento de nutrição da saúde para prevenir e tratar doenças, como diabetes, obesidade, doenças cardiovasculares, Alzheimer.

'A Nestlé Health Science se tornará operacional em 1 de janeiro de 2011. A nova companhia irá operar como extensão do braço principal de alimentos, bebidas e atividades nutricionais da Nestlé, e vai incorporar os negócios globais da Nestlé HealthCare Nutrition', afirmou a companhia. A Nestlé HealthCare Nutrition apresentou faturamento de 1,6 bilhão de francos suíços em 2009.

A nova unidade, de acordo com o documento, vai entrar na indústria situada entre o setor de alimentos e fármacos, e será comandada por Luis Cantarell, que foi designado seu presidente executivo. Já o centro de pesquisas, ficará sob o comando de Emmanuel E. Baetge.

'A criação da Nestlé Health Science e do Nestlé Institute of Health Sciences é a melhor maneira de focar nossas atenções e organizar nossas capacidades para modelar essa promissora oportunidade de negócios', afirmou o presidente mundial da companhia, Paul Bulcke.

A Nestlé entrou no setor de nutrição da saúde em 1986. Nos últimos três anos, a empresa tem se focado mais nesta área e realizou algumas aquisições, como o braço de nutrição da farmacêutica Novartis, a Novartis Medical Nutrition.

(Vanessa Dezem Valor)

Sociedade Médica presta homenagem a profissionais

No último sábado, diversos médicos petropolitanos foram homenageados pelo seu dia. A solenidade, uma iniciativa da Sociedade Médica de Petrópolis, aconteceu no Clube dos Médicos. Entre os homenageados estavam o diretor do Sanatório Oswaldo Cruz, Dr. João Manoel e Castro e o pediatra geral, infectologista pediatra e diretor da Faculdade de Medicina de Petrópolis, Dr. Paulo Cesar Guimarães, que recebeu o título de médico do ano 2010.
Um dos primeiros homenageados foi o sócio fundador da Unimed Petrópolis, Dr. João Manoel de Castro. Ex-diretor do Hospital Alcides Carneiro, cargo que ocupou por 23 anos, Dr. João de Castro é o atual diretor do Sanatório Oswaldo Cruz.
A médica Celina Vettore também foi homenageada pelo seu trabalho à frente do coral da Usimed. “A música sempre esteve presente na minha vida e este é um trabalho que me engrandece muito. Hoje o nosso coral é composto por 40 pessoas entre 59 e 79 anos de idade”, completou.
O pediatra e infectologista pediátrico Paulo Cesar Guimarães recebeu o título de Médico do ano 2010 devido ao trabalho em prol das cooperativas Unimed, Usimed, Unicred, pelo cargo de diretor da Faculdade de Medicina de Petrópolis, além dos cargos de direção da Sociedade Brasileira de Pediatria. “Sempre fui ligado aos eventos associativos. A participação de nós, médicos, nas associações engrandece o nosso trabalho. Para mim é um orgulho trabalhar como médico e conviver com colegas éticos em Petrópolis”, comentou Dr. Paulo Cesar Guimarães.

Exposição Vias do Coração e Dengue

A Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Agricultura junto com a Coordenação de Projetos Especiais da FASE, a partir de uma parceria com a FIOCRUZ, trouxe para a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia a exposição “Vias do Coração” e “ Dengue”.

A exposição está instalada no Hall principal da entrada do Campus e estará acompanhada de monitores da FIOCRUZ.

Vias do Coração

Inspirada em modelos adotados por museus internacionais de ciências, Vias do Coração tem formato compacto, especialmente desenvolvido para funcionar como exposição itinerante, estruturada em várias estações de forma evolutiva e lúdica. A mostra integra o projeto "Ciência Móvel – Vida e Saúde para Todos", um museu de ciências itinerante desenvolvido pelo Museu da Vida/COC/Fiocruz. Ricamente ilustrado, o conteúdo é distribuído por painéis, terminais com testes multimídia, vídeos em 3D, bancadas de microscópios, além da apresentação de modelos anatômicos por monitores.

Dengue

A exposição Dengue traz informações sobre a propagação da doença no mundo, desde as primeiras referências feitas à moléstia por David Bylon, em 1779, até os dias atuais, buscando informar e promover a mobilização social e a participação necessárias ao seu combate.

Em painéis ilustrados, o visitante terá informações sobre o vírus, o ciclo de transmissão da doença, os sintomas, além de curiosidades, como o número de ovos colocados pela fêmea do mosquito transmissor. As fases do ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti também poderão ser vistas no microscópio e em lupa e, com riqueza detalhes, em um filme produzido pela Fiocruz.

As exposições ficam na FASE até o dia 23 de outubro.
2ª a 6ª - 09 às 17h
Sábado - 09 às 13h

Para saber mais:

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia: HTTP://semanact.mct.gov.br
Centro Cultural FASE – FMP: http://www.centroculturalfasefmp.blogspot.com/
Circuito Tela Verde: http://circuitotelaverde.blogspot.com/

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

FASE participa da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

A Faculdade Arthur Sá Earp Neto e Faculdade de Medicina de Petrópolis participam entre os dias 18 a 24 de outubro da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.
A programação é voltada para estudantes do ensino fundamental e médio de escolas públicas e privadas do município.


Não deixe de participar:


- Exposição CORPO: Anatomia, Arte e Tecnologia

2ª a 6ª - 09h às 20h

Sábado - 09h às 13h

Centro Cultural FASE


- Exposição Vias do Coração

2ª a 6ª - 09h às 17h

Hall do Campus


- Exibição do Circuito Tela Verde

2ª a 6ª - 09h às 18h

Auditório do Centro Cultural


* para participar a escola deve agendar visita através do e-mail cpe@fmpfase.edu.br ou pelo telefone (24) 2244-6464 - André.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

De olho no mercado de trabalho de administração

Estudante formado em Administração pode trabalhar em praticamente todas as áreas ou ainda montar o próprio negócio

Plantão Publicada em 05/10/2010 às 01h06m
Leonardo Cazes
O GLOBO

RIO - Em um bate-papo com alunos do curso de Administração da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), a história da escolha da carreira se repete: a maioria estava em dúvida sobre qual profissão seguir, gostava de muitos assuntos e tinha dificuldade de decidir por apenas um.

- Eu estava meio perdida na época do vestibular, fiz orientação profissional e optei por um curso mais abrangente. Fiz sem muita convicção, para ver se ia gostar... E me encontrei - diz Bianca Braga, aluna do 4 período.

Já o colega Daniel Alves conta que veio em busca de um campo de atuação amplo:

- Eu gostava muito de história, geografia econômica e matemática. O mercado tem muitas oportunidades em diferentes áreas, isso me atraiu. Muita gente diz que Administração é para quem não sabe o que quer, mas eu acho que é para quem quer muitas coisas - defende.

Para a diretora da Faculdade de Administração e Finanças (FAF) da Uerj, Adriana Lana Ramos, as disciplinas citadas por Daniel são, com certeza, bem próximas da formação do administrador. Afinal, é uma área ligada às ciências sociais com uma dose de matemática.

Ela explica que o graduado tem todas as condições de atuar nas mais diversas áreas: recursos humanos, marketing, planejamento, finanças, logística e produção. Ou seja, em quase todas os setores de uma empresa. Por isso, sua formação é também abrangente. Emprego também não é problema para quem sai da faculdade.

- Ninguém fica desempregado, é um curso que tem absorção bem forte pelo mercado. Os salários não são muito altos para início de carreira, a não ser no setor público, mas as perspectivas são boas.

Ao contrário de outros cursos, a pós-graduação em Administração costuma ser um caminho feito depois de um tempo de atuação profissional. E o mestrado acadêmico perde espaço para os cursos de especialização lato sensu.

- Poucos emendam na pós pela oferta de trabalho. No entanto, quando chegam a determinado momento da carreira, o retorno será exigido, e costuma ocorrer na especialização. O próprio enfoque dos cursos busca atender às demandas das empresas.

A quantidade de estudantes que pensam em abrir o seu próprio negócio ao sair da faculdade também tem aumentado. Com vistas a atender a jovens com perfil empreendedor, até foi criada uma disciplina específica.

- É uma cadeira voltada para a criação de um plano de negócios. O aluno escolhe uma área e sai com um projeto pronto para colocar em prática. Tenho três ex-alunos que já montaram suas empresas em diferentes ramos de atuação - conta o professor Ricardo Motta, chefe do departamento de Administração.

A CARREIRA

Quem pretende fazer o curso de Administração e já pensa na vida depois do diploma tem uma ótima notícia: os formados não costumam ter problema para conseguir emprego. As oportunidades são muitas, tanto no setor público quanto no privado, pois se trata de um profissional que se encaixa em diversas áreas. Em termos salariais, as estatais costumam oferecer remunerações iniciais mais altas, embora em empresas multinacionais são boas as perspectivas de carreira. A pós-graduação costuma vir depois de algum tempo de atuação profissional, na forma de uma especialização lato sensu.

O CURSO

Para conseguir atender a um campo de atuação tão amplo, a formação em Administração também precisa englobar várias áreas. O curso, normalmente, dura quatro anos e é estruturado em três eixos: o primeiro é conceitual, quando serão apresentadas questões mais teóricas, base para as etapas seguintes; depois, um instrumental, em que se tem contato com as atividades mais práticas; e, por último, aquele chamado de formação estratégica, mais ligado à atuação profissional propriamente. O estudante pode, inclusive, escolher as disciplinas de acordo com seus interesses.

http://oglobo.globo.com/educacao/mat/2010/10/05/estudante-formado-em-administracao-pode-trabalhar-em-praticamente-todas-as-areas-ou-ainda-montar-proprio-negocio-922704100.asp

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

FASE participa do X Petrópolis Gourmet 2010


Falta menos de um mês para o mais saboroso festival da Região Serrana do Rio: o Petrópolis Gourmet, que em sua décima edição promete destacar ainda mais o roteiro gastronômico local, já famoso por atrair os mais exigentes amantes da boa mesa. As maiores atrações do evento se concentram no Mercado Gourmet, espaço que será montado ao lado do Hortomercado em Itaipava, além é claro das estrelas da festa que são os restaurantes.

O evento, que antes durava apenas dez dias, vem com uma novidade. Este ano serão cinco finais de semana (de 28 de outubro a 27 de novembro) para o público apreciar as deliciosas receitas preparadas pelos restaurantes e aproveitar todas as atividades oferecidas. O ponto de partida será a tradicional Corrida dos Garçons dos restaurantes participantes na área do Hortomercado, com o apoio da Importadora Ruby Wines. Os concorrentes deverão carregar uma bandeja com uma garrafa e duas taças (cheias) de vinho e concluir o percurso sem derramar o conteúdo, derrubar os copos e a garrafa ou segurar a bandeja com as duas mãos.


A segunda edição do Concurso Cultural Gastronômico também promete ser um grande destaque do festival. Realizado em parceria com o SENAC Rio, é voltado para amadores e tem o objetivo de descobrir novos talentos. O prêmio para o vencedor é uma bolsa de estudos na área de gastronomia, no Brasil ou no exterior. Ano passado a vencedora Anna Paula Leal fez um intercâmbio de dez dias na França estagiando no restaurante L´Auberge de I´Ill com o chef Marc Haeberlin em Illhaeusem, e dois dias em Strasbourg, estagiando no restaurante AU CROCODILE com o chef Ludovico.


As Oficinas Gastronômicas terão temáticas de gastronomia e enologia orgânicas, e oficinas com chefs especialistas em alimentos orgânicos, trazidos pelo SENAC Rio: Henry Schneider, Teresa Corção, Osvaldo Gorski, Ciça Roxo, Fabrice Lenud, Ana Salles e Maria Victoria. Já estão confirmadas também as participações do subchef de cozinha Marco Lima e da produtora de culinária Daniela Meira (eu!!!), ambos do Programa Mais Você da TV Globo; do enólogo e consultor Rafael Puyau, da Chez Puyau; do consultor e gestor de bebidas Rui Serradas, com um workshop sobre coqueteis com frutas orgânicas, do Chef Pizzaiolo Antônio Lo Presti e de Rula Simões com culinária grega.


Também funcionarão no Mercado Gourmet um Bar da Bohemia, o Café Literário promovido pela Duetto’s Café e editora SENAC, com exposição e venda de livros da área de gastronomia e possíveis tardes de autógrafo, e o Armazém Gourmet, com produtores do próprio Hortomercado e artesanato de diversas associações como Artesanato Petrópolis, Uniarte, Cidade Imperial, Vila Rica e Etc e Arte. Os expositores vão doar 1kg de alimento não perecível em troca do espaço utilizado, que serão entregues em instituições de caridade do município.


As crianças continuam com seu espaço garantido no Gourmet Kids, com área de lazer e oficinas feitas especialmente para elas. Ricardo Gonzalez, da Divino Segredo (produção artesanal de pães, bolos e biscoitos), vai ensinar a criançada a preparar apetitosos brownies, muffins, torta e mini pães, todos integrais, e biscoitos amanteigados.


O Gourmet nos Restaurantes traz 28 participantes, que tiveram o desafio de elaborar um menu utilizando produtos orgânicos na confecção das receitas. São eles: Afrânio, Albergo Del Leone, Alvorada, Atelier Molinaro, Arcádia Bistrô Imperatriz, Barão Gastronomia, Bomtempo Resort, Bordeaux Ipiranga, Bordeaux Itaipava, Capitólio Sushi, Don Bistrô, Duetto´s Café, Il Perugino, Imperatriz Leopoldina (Solar do Império), LOG Restaurante, Majórica, Massas Luigi, Nikko Sushi, Oliveiras da Serra, Pousada Paraíso, Pousada Paraíso Açu, Quinta da Paz, Sal da Terra (Pousada Orquídea da Serra), Solar Fazenda do Cedro, Tai Tai, Tambo los Incas, Tankamana e Zafferano Itaipava. E pensando no tema tão atual que é o desenvolvimento sustentável, para cada prato vendido uma árvore será plantada no entorno do Monumento Natural da Pedra do Elefante.


Mas para entrar no clima do Petrópolis Gourmet, neste mês de outubro começará o Gourmet nas Comunidades, com apoio da Faculdade Arthur Sá Earp Neto – FASE. Palestras e cursos serão realizados na cozinha experimental pedagógica que será montada em três localidades: Alto da Serra (Fundação Princesa Isabel), Cascatinha (Unidade FASE) e Posse (Paróquia São João Batista). A Divino Segredo já confirmou sua participação com Ricardo Gonzalez ensinando pães integrais e como iniciar um negócio com pouco dinheiro e boas ideias.


Em breve no site [www.petropolisgourmet.com.br] a programação completa do festival, o cardápio dos restaurantes, informações sobre o concurso, regulamento e inscrições. As fotos estarão disponíveis em [http://www.flickr.com/photos/petropolisconvention]. O X Petrópolis Gourmet é uma realização do Petrópolis Convention & Visitors Bureau, tem apoio institucional do Ministério do Turismo e da Agricultura, Prefeitura Municipal de Petrópolis, Fecomércio, Sicomércio, FASE, Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis, Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Abrasel. A organização é da Serrana Center Promoções e Eventos.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Café filosôfico quântico

O Café Filosófico Quântico deste mês acontece na sexta-feira dia 08 de outubro às 12 horas no Auditório do Centro Cultural.
O debate será sobre "Movimento e Cérebro em foco: Introdução à Filogênese, Ontogênese e Retrogênese da Motricidade".


A atividade vale como horas de atividade complementar.

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Atenção para o mercado de trabalho

Com a concorrência entre as empresas acirrada, processos de seleção são feitos cada vez mais rapidamente

Publicada em 02/10/2010 às 21h07m
O Globo

RIO - Nem dá tempo de a cadeira esfriar. Mal o funcionário sai de uma empresa, outro candidato já se prepara para assumir o seu posto. É o que aponta a pesquisa da Robert Half sobre o processo de contratação no mundo: a seleção de profissionais para ocupar vagas em aberto é feita cada vez mais rapidamente. De acordo com o levantamento - feito em abril deste ano com 2.819 executivos, em 13 países - a média de tempo mundial é de cinco semanas. No Brasil, o período é menor: 72% das contratações acontecem entre uma e três semanas. Para se ter uma ideia, em 2009, as contratações chegavam a demorar dois meses. Um reflexo do aquecimento da economia e da acirrada concorrência entre empresas, como mostra reportagem de Fernanda Thurler, publicada neste domingo.


A pesquisa também aponta que, no Brasil, para cada vaga são entrevistados de quatro a seis candidatos, e o processo de seleção não vai além de três entrevistas.

- Para uma vaga, em média, eram pré-selecionadas dez pessoas. Agora, não passam de quatro. Mas, apesar de rápidas, as contratações não deixaram de ser muito criteriosas - garante o diretor de operações da Robert Half no Rio de Janeiro, William Monteath.

Consultores de recursos humanos destacam, no entanto, que nem sempre é fácil encontrar o profissional certo ou mesmo que atenda aos requisitos de qualificação num período de tempo tão curto.

- A tendência é que as empresas invistam mais na formação e na qualificação profissional de seus funcionários. Será necessário identificar talentos e apostar em valores diferenciados, pois viveremos um momento de escassez de mão de obra capacitada e com experiência comprovada - destaca o superintendente de Desenvolvimento de Pessoal da Personal Service, Marcos Gaspar.

Karla Carvalho, 38 anos, é um exemplo desse momento de aquecimento do mercado. Formada em informática, ela trabalhava no setor de exploração de petróleo da Petrobras até agosto de 2009, quando foi demitida, mas um mês depois já estava empregada novamente, em outro setor da empresa, que é terceirizado: o de tecnologia de informação.

- Espalhei currículos no mercado e, por coincidência, fui chamada por essa empresa que presta serviço para a Petrobras. Ocupei uma vaga que estava aberta há um mês. Acho que, no meu caso, a falta de profissionais qualificados na minha área facilitou a contratação. O setor de TI não para de crescer - conta Karla, que hoje trabalha com desenvolvimento de sistemas. *

Monteath lembra, no entanto, que, quando estão em jogo oportunidades para cargos estratégicos, de alta gerência e diretoria, o tempo médio de ocupação da vaga, no Brasil, aumenta para cinco semanas:

- Nesses processos, o candidato passa por etapas de seleção que, muitas vezes, são realizadas no exterior. Além disso, ele precisa se adequar à agenda do presidente da empresa, o que leva um pouco mais de tempo.

Especializada no recrutamento de executivos para empresas brasileiras, a 2GET confirma a necessidade de um tempo maior para a contratação de profissionais que ocupam posições mais altas.

- A ocupação de cargos mais elevados é delicada, gera um impacto na estrutura e nas tarefas da empresa, por isso é algo pensado com muito critério - afirma o sócio da 2GET, Adrian Tsallis.
* A FASE possui a ênfase de Sistemas da Informação no curso de Administração, essa ênfase fornece ao aluno condições de lidar com a informação e de atualizar a tecnologia da informática para assegurar a competitividade das organizações.

Amanhã é dia de cinema


Nesta terça-feira (05/10) o Centro Cultural FASE traz a primeira edição da Mostra de Cinema Brasileiro Regional, com o filme O Auto da Compadecida.

http://centroculturalfasefmp.blogspot.com/p/cine-clube-mostra-de-cinema-nacional.html

A exibição acontece às 13h30 e 17 h no Auditório do Centro Cultural.

FASE participa da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

A Faculdade Arthur Sá Earp Neto/ Faculdade de Medicina de Petrópolis participam da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2010. Em Petrópolis a programação é organizada pela Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia. Vários pontos da cidade viram referência da semana, com eventos, exposições, exibição de filmes para toda a população, inclusive estudantes do ensino fundamental e médio, da rede pública.

http://semanact.mct.gov.br/index.php/content/view/3223.html

A FASE estará realizando visitas guiadas à exposição CORPO: Anatomia, Arte e Tecnologia, além da exibição de filmes do Circuito Tela Verde http://circuitotelaverde.blogspot.com/, nos seguintes dias:

18/10 – 09h às 12h e 13h às 17h00
20/10 – 09h às 12h
21/10 – 09h às 12h

Local: Auditório Centro Cultural FASE

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Violinos no Hall


Diego Teixeira e Pedro Foster se apresentaram no Hall da Instituição na tarde de hoje. A atração fez parte do projeto Quintas Culturais, especial XVI Semana Científica. A dupla fez uma viagem à música clássica, encantando quem passava pelo local ou aproveitava para ler os trabalhos e posteres expostos.

Para saber a programação cultural acesse: http://www.centroculturalfasefmp.blogspot.com/

Programação atualizada da Semana Científica

Quinta feira - 16 de setembro

08:30h
Desnutrição intra-hospitalar Sala Arthur Sá Earp Neto

Palestra:
As relações entre saber e poder: A cosmovisão da ciência moderna e o crescente processo de dominação da natureza. Anfiteatro A13

Violência contra mulher Anfiteatro A20

10:15h
Apresentação de Temas Livres Anfiteatros 13, 20 e 27 e salas 11, 12


11:15h
Controle do Tabagismo Sala Arthur Sá Earp Neto

Violência contra o idoso Anfiteatro A13

Perspectiva na Gastronomia Hospitalar Anfiteatro A20

13:30h
Controvérsias: Medicina Abordagem terapêutica da hérnia de disco Sala Arthur Sá Earp Neto

Controvérsias: Nutrição Recomendações do uso de vegetais X contaminação com agrotóxicos Anfiteatro A13

15:15h
Visão Multiprofissional na Cirurgia bariátrica Sala Arthur Sá Earp Neto

Apresentação das ligas – o que é liga e histórico Anfiteatro A13
Palestra:
Aspectos Mercadológicos da Profissão Médica Anfiteatro A20

17:00h
Apresentação de Temas Livres Anfiteatros 13, 20 e salas 11, 12, 28

19:00h
Relações Internacionais e as organizações empresariais Sala Arthur Sá Earp Neto

21:00h
Cyber Café Sala Arthur Sá Earp


Sexta feira - 17 de setembro

08:30h
Programação Metabólica: estado nutricional mãe/feto e implicações na saúde Sala Arthur Sá Earp Neto

Estudante hoje, profissional de saúde amanhã: Perigos e cuidados no caminho da Formação Anfiteatro A13

Palestra:
Ingestão de metais pesados por alimentos e implicações na saúde Anfiteatro A20

Educação, Saúde, Trabalho e Valores Anfiteatro A27

10:15h
Apresentação de Temas Livres Anfiteatros 13, 20 e 27 e salas 11, 12

11:15h
Palestra:
A dimensão psicológica da relação entre pacientes e profissionais da saúde Sala Arthur Sá Earp Neto

Fisiologia do envelhecimento Anfiteatro A13

Medicina Translacional e Regenerativa Anfiteatro A20

13:30h
Visão multiprofissional do paciente crítico internado em terapia intensiva – pediatria Sala Arthur Sá Earp Neto

A saúde da família sob a ótica da clínica, vigilância e educação em saúde Anfiteatro A13

15:15h
A drogadição e a sociedade da banalização Sala Arthur Sá Earp Neto

Uso de ergogênicos nos esportes: papel multidisciplinar Anfiteatro A13

17:00h
ENCERRAMENTO

18:00h
HAPPY HOUR - Centro Cultural

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Ministro da Igualdade Racial fala para estudantes na FMP/FASE

O ministro da Secretaria Especial de Políticas para a Igualdade Racial, Eloi Ferreira de Araujo proferiu a palestra de abertura da XVI Semana Científica da FMP/FASE. Ele falou sobre o tema do evento deste ano, Homem em Perigo: Vida amanhã, compromisso hoje, e deu ênfase às questões raciais no Brasil. A Semana Científica da FMP/FASE é um dos maiores eventos da área da saúde na região, atraindo cerca de mil pessoas nos três dias de duração.
O tema escolhido para a Semana Científica deste ano engloba os perigos que rondam o homem atual, desde questões de saúde, passando pelos problemas ambientais até a violência. A conferência de abertura contou com a participação de 450 pessoas, além da presença do prefeito Paulo Mustrangi, da secretária de saúde, Aparecida Barbosa, da Supervisora geral da FASE, Maria Isabel de Sá Earp de Resende Chaves, do diretor da FMP, Paulo Cesar Guimarães, representantes do Cremerj e outras entidades médicas e organizações sociais.
Em sua palestra, o Ministro Eloi Ferreira de Araújo centrou as diferenças raciais que ainda fazem parte da sociedade brasileira. “A Lei Áurea colocou 1 milhão de negos em liberdade porém, diferente do que era feito com os imigrantes europeus, que recebiam subsídios, créditos, terras para estar aqui, estes negros foram colocados à própria sorte. Nunca houve uma política para a inserção destas pessoas na sociedade. Muitos dos problemas que temos hoje são decorrentes daí”, explicou.
Hoje, segundo o ministro, cerca de 70% da população que recebe o Bolsa Família do Governo Federal é formada por pessoas negras ou pardas. Os índices de violência são alarmantes. “80% dos jovens entre 14 e 25 anos de idade que matam e morrem no Brasil são negros ou pardos. É uma estatística assustadora. Quando se vai buscar, percebemos que 70% dos negros e pardos são pobres. É preciso criar um ambiente de inclusão de cerca de 50.6% da sociedade Brasileira”, completou. “O Brasil tem um grande problema. O Brasil tem racismo. E como lidar com estas questões? Em primeiro lugar, é preciso não fingir que ele não existe”, completou.
Outro tema apontado pelo ministro Eloi Araujo foi a questão das cotas na universidade pública e no ProUni. Segundo ele, o desempenho dos estudantes cotistas vem sendo muito bom em todos os locais, igualando-se ao dos demais alunos. Sem prejuízos tanto para os cotistas quanto para os não cotistas.
Coordenador da Semana Científica, o professor João Carlos de Miranda explicou que a escolha do tema deste ano partiu da percepção de alguns indicadores de desenvolvimento negativo, o que acaba impondo uma reflexão sobre o compromisso da sociedade para com o futuro. “Entre estes indicadores estão o aumento do aquecimento global, o recrudescimento da violência em todos os seus níveis, a fome, a miséria e a ausência da paz entre os povos, a falta de escolarização e educação, a degradação da natureza e as epidemias evitáveis. Todos eles permanecendo como os principais obstáculos para a construção da felicidade. Este perfil social – que se apresenta de maneira mais ou menos agressiva de sociedade para sociedade –, é, no entanto, uma realidade presente em todos os lugares e está relacionado com as opções de crescimento que fizemos e continuamos a fazer”, explicou.
Ainda de acordo com o professor, a possibilidade de um futuro diferente e menos sombrio depende dos compromissos que estamos dispostos a assumir hoje e que apontem para mudanças estruturais no modelo de produção, no papel do Estado e na conjuntura social nesse processo. “Essa é a razão de trazermos para a abertura da Semana Científica 2010 o Ministro da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. Por acreditarmos que o verdadeiro debate sobre a saúde e sobre o processo de adoecimento é um debate complexo”, completou.

A abertura da XVI Semana Científica

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Programação Cultural da XVI Semana Científica - 15 de setembro

Amanhã será realizada uma tarde de autógrafos no Salão da Biblioteca, a partir 17h30.

Veja http://centroculturalfasefmp.blogspot.com/2010/09/tarde-de-autografo-com-alexandre.html

Supervisora da FASE comenta sobre o tema da XVI Semana Científica

" Temos um compromisso de nunca desistir", falou Maria Isabel de Sá Earp Chaves, supervisora da FASE, sobre o compromisso de lutar pelo um amanhã e agir a longo prazo para melhoria da sociedade.

Diretor da Faculdade de Medicina diz sobre a importância da semana científica

O diretor da FMP, Paulo Cesar Guimarães comenta, durante a abertura, que a semana científica é uma ótima oportunidade de desenvolver o lado científico e pedagógico, além de aguçar a carreira acadêmica nos estudantes. " A XVI Semana garante ser um sucesso", comenta.

Ministro da Igualdade Racial abre a XVI Semana Científica da FASE

O ministro da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Eloi Ferreira de Araújo abriu a décima sexta edição da Semana Científica da FASE/FMP, com o tema Homem em Perigo: Vida amanhã, Compromisso Hoje.

Em breve mais informações.
* Lembrando que a publicação no blog é quase instantânea.

HAC recebe visita do Ministério da Saúde

Principal autoridade técnica do Ministério da Saúde, o secretário de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Francisco Eduardo de Campos, subiu a serra ontem acompanhado do assessor de Relações Institucionais do Ministério, Tite Borges, para uma apresentação especial no Hospital de Ensino Alcides Carneiro (HAC) sobre as diretrizes do governo para os hospitais de ensino. Falando a quase 200 pessoas, ele explicou os problemas dos governos federal, estadual e municipal para financiar a Saúde, detalhou os desafios para a formação de mão de obra e justificou a defesa governamental a modelos alternativos de gestão de hospitais.
Organizado pela Fundação Octacílio Gualberto (FOG), mantenedora da Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP), e pelo Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (Sehac), mantenedor do HAC, o evento teve a presença do prefeito Paulo Mustrangi, da secretária municipal de Saúde, Aparecida Barbosa, e de representantes da Câmara de Vereadores, do Conselho Municipal de Saúde e do Conselho Regional de Medicina do Rio. Por duas horas, Francisco Campos falou, no Pavilhão de Ensino do HAC, sobre a visão do governo federal sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) e a formação de profissionais no país, com destaque para a complexa relação existente entre instituições de ensino, hospitais e governos.
“Hoje enxergamos o sistema de Saúde de forma diferente. Entendemos que não podemos pensar nesse tema no curto prazo. A questão da Saúde tem relação direta com a formação de recursos humanos, e isso é um trabalho de longo prazo”, explicou, lembrando que há algum tempo o funcionamento dos hospitais universitários era diferente.
“Nos acostumamos a hospitais de ensino e pesquisa sem comprometimento com a prestação de serviço. Esses hospitais, por muito tempo, tratavam o paciente apenas para demonstração da doença, sem responder as questões que envolvem essa doença. Para se ter uma idéia, os hospitais universitários, até 2001, atendiam apenas 1 em cada mil pacientes. Hoje entendemos que não é possível formar um profissional da Saúde sem inseri-lo na prestação de serviço, nos postos de saúde da família, nos hospitais públicos. Eles têm que atuar nas comunidades”, destacou.
Francisco Campos também defendeu modelos de gestão alternativos no sistema de Saúde, como o criado para gerir o Hospital de Ensino Alcides Carneiro – em 2008 o governo municipal criou o Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (Sehac), um ente de cooperação com o município para administrar o HAC. “Existem inúmeros modelos de gestão diferenciados no país, que garantem a flexibilização com a valorização do profissional. A tendência é que, aos poucos, o governo defina quais são mais eficientes. Não haverá modelo único”, ressaltou, lembrando que muitos questionam a novidade. “Pode ser que tenhamos que melhorar alguma coisa, mas o fato é que, hoje, essa é a melhor alternativa. É claro que o ideal seria que pudéssemos gerir tudo de forma eficiente, mas essa não é a nossa realidade”.
O Hospital de Ensino Alcides Carneiro é um dos quatro hospitais de ensino municipais reconhecidos pelo Ministério da Saúde em todo o país. A certificação, além de assegurar ambiente propício para a formação de profissionais na área da Saúde, garante ao hospital mais recursos: o repasse federal anual, que era de R$ 6,3 milhões antes da certificação, saltou para R$ 21,4 milhões com a certificação. Com isso, o município pode redirecionar os recursos que antes seguiam para o HAC: antes, o governo municipal aportava R$ 23,7 milhões por ano no hospital. Hoje esse valor caiu para R$ 14 milhões, permitindo uma melhor distribuição de recursos na rede de Saúde da cidade.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Café filosófico quântico


XII Encontro AAARL de Medicina Esportiva

Atenção estudantes de medicina

A Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo organiza o 12º encontro de medicina esportiva, entre os dias 4 e 6 de novembro, com a possibilidade de premiação para os melhores trabalhos científicos.

Prêmio Galeno: oferecido aos trabalhos de maior destaque na área, de acordo com o julgamento da Comissão Científica. O prazo para o envio de trabalhos foi prorrogado até o dia 12 de setembro.
A nova data e as regras para o envio dos trabalhos podem ser vistos em nosso site
www.encontroaaarl.com.br
Enfoque: Treinamento Físico, Traumatologia Desportiva e Prevenção e Reabilitação pela Atividade Física.

Exposição CORPO

Pessoal, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro publicou uma nota no boletim interno, sobre a exposição CORPO: Anatomia, Arte e Tecnologia.

http://centroculturalfasefmp.blogspot.com/2010/09/boletim-eletronico-da-faperj-publica.html

09 de setembro - Dia do administrador

Amanhã é comemorado o dia do administrador. Estudantes, professores e profissionais da área poderão participar da programação que a FASE preparou para essa data:

Palestra sobre “O administrador 5 estrelas”, análise da profissão e abordagem de como manter a excelência sustentada.
Local: Sala Arthur Sá Earp Neto
Horário: 18h45

Palestra “A formação do administrador e os desafios do cenário atual”
Apresentação da Empresa Junior da FASE
Local: Sala Arthur Sá Earp Neto
Horário: 20h45

Debate final
Local: Sala Arthur Sá Earp Neto
Horário: 21h30

* Vale como horas de atividade complementar

O administrador é aquele profissional que planeja, organiza, coordena e controla as atividades e processos das organizações, no sentido de proporcionar o desenvolvimento sócio-econômico das mesmas, e conseqüentemente, da sociedade em geral.

No dia 09 de setembro se comemora o dia desses profissionais, que possuem uma importância incrível na sociedade. Sem os administradores, não teríamos o desenvolvimento das organizações, assim, os outros profissionais não iriam ter oportunidades de emprego, sem contar o caos social que se instalaria na sociedade sob essas condições.

Os primeiros administradores ao longo da história foram os gerentes das companhias de navegação inglesas, em meados do século XVII. A escolha da data para ser o dia do administrador se deu pelo fato de que nesse dia, em 1965, foi assinada a lei que criou, oficialmente, a profissão de Administrador no Brasil. O dia do Administrador foi instituído pela Resolução CFA nº. 65/68, de 09/12/68.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Dia do nutricionista

Dia 31 de agosto é comemorado o dia do nutricionista.
A FASE organizou um evento para os estudantes do curso de nutrição.
Confira a programação:

- 13h30 - Depoimento de ex-alunos, sobre mercado de trabalho e a profissão
- 14h30 - Palestra sobre Linhaça
Lançamento do livro "A dieta da linhaça" - Profª Glorimar Rosa - UFRJ
-16h - Confraternização

A atividade será realizada no auditório do Centro Cultural e vale como hora de atividades complementares.

FASE recebe empresa de tecnologia


O curso de administração recebeu ontem a multinacional Orange em um bate papo para os alunos, organizado pela coordenação de projetos especiais.

A presença teve como objetivo apresentar a empresa de telecomunicação, os diferenciais e até mesmo criar um acanal para futuros recrutamentos dos estudantes.

Mais de 150 alunos do curso de Administração assistiram a palestra de George Paiva – Diretor de RH da Orange no Brasil, que de forma bem amistosa apresentou a empresa, falou sobre a importância do idioma no mercado de trabalho atual e também tirou dúvidas dos alunos. Durante sua apresentação George destacou que ficou impressionado com a estrutura da FMP / FASE , classificou a nossa Instituição como “ Faculdade de 1º mundo “.

Ao final, a equipe de Recrutamento e Seleção aceitou currículos dos nossos alunos e tirou maiores dúvidas dos interessados em entrar para o time da Orange.

Seminário de Estratégias em Marketing



HAC e FMP prestam homenagem ao neurologista Antônio José

Prefeito Paulo Mustrangi marcou presença em solenidade de reinauguração do Pavilhão de Ensino do hospital, que ganhou o nome do médico

A direção do Hospital de Ensino Alcides Carneiro e da Faculdade de Medicina de Petrópolis prestaram ontem uma homenagem ao neurologista Antonio José Gomes dos Santos, morto em agosto de 2009, aos 59 anos, vítima de infarto. O médico, que, na época, era professor da Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP) e diretor-presidente do Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (Sehac), agora dará nome ao Pavilhão de Ensino do hospital.
A solenidade de reinauguração do espaço contou com a presença de alunos, ex-alunos e professores da FMP, funcionários do HAC e de autoridades do município. À frente de um público de mais de 150 pessoas, entre elas a mulher e a filha do médico, além de ex-diretores do hospital, o prefeito Paulo Mustrangi, a secretária municipal de Educação, Aparecida Barbosa, o diretor-presidente do Sehac, Humberto Banal, o diretor da Faculdade de Medicina de Petrópolis, Paulo César Guimarães, a diretora-presidente da Fundação Octacílio Gualberto, Maria Isabel de Sá Earp, e o diretor geral do Hospital de Ensino Alcides Carneiro, Eduardo Primo lembraram a importância de Antônio José como profissional e também como pessoa.
“Antônio José marcou pela sua vida. Pela sua história. Hoje só estamos aqui reconhecendo isso”, destacou a secretária municipal de Saúde, Aparecida Barbosa, que fez um discurso emocionado em lembrança ao médico. Ao lado dela, o prefeito Paulo Mustrangi também lembrou a importância do profissional. “Era uma pessoa especial, humilde, sempre disposto a ajudar”.
Ao iniciar o discurso, Maria Isabel Sá Earp lembrou a coragem do médico, que foi primeiro diretor-presidente do Sehac. “Trata-se de um modelo inovador, mas as pessoas parecem não estar prontas para essa modernidade. O Sehac representa mudança de paradigmas e ele sabia disso”, destacou. Ao lado dela, o atual presidente do serviço social autônomo, Humberto Banal, ressaltou a história de Antônio José e do hospital.
Amigo pessoal de Antônio José, o também médico Rolf Kreuzig, lembrou, em discurso, a descoberta de um problema coronariano, que acabou motivando a aposentadoria do neurologista. “Ele infartou, mas só me contou três dias depois. Depois, com um exame, descobriu que o caso era mais grave do que se pensava. O médico o recomendou repouso e mais cuidados com a saúde. Ele seguiu as orientações e até se aposentou por invalidez, mas nunca conseguiu, de fato, se afastar do trabalho. Foi um homem que sempre cuidou de todo mundo que estava a sua volta, mas que esqueceu dele mesmo”.


Prefeito inaugura obras no HAC

Após a reinauguração do Pavilhão de Ensino o prefeito Paulo Mustrangi percorreu setores do hospital que passaram por obras recentemente, entre eles os vestiários feminino e masculino, a lavanderia, a rouparia, a costuraria e o prédio da manutenção. “São obras que mostram nossa preocupação não só com o paciente do HAC como também com o funcionário. Como posso cobrar de um profissional comprometimento e responsabilidade no exercício de sua função se não dou sequer condições dignas de trabalho a ele?”, questionou Aparecida Barbosa.
Ao ver os novos vestiários, o prefeito Paulo Mustrangi se surpreendeu. “Estive aqui no ano passado e vi o estado lamentável dos vestiários que existiam aqui. Era desumano”, criticou, lembrando que havia no local apenas um chuveiro funcionando e os sanitários não tinham nem portas. Os novos vestiários, três vezes maiores, têm, agora, armários e chuveiros individuais, sanitários e 350 armários (somando os vestiários masculino e feminino).
A nova lavanderia, agora com a capacidade ampliada, também foi alvo de elogios. O setor, que é responsável pela higienização de mais de uma tonelada de peças por dia, vindos de toda a rede pública de saúde da cidade, foi totalmente reformado e ganhou novos equipamentos, como lavadoras e secadoras. O hospital também ganhou um prédio específico para manutenção e almoxarifado para o setor de nutrição. Foram totalmente reformados o almoxarifado central e a sala de caldeiras.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Faculdade de Medicina de Petrópolis presta homenagem ao médico Antônio José Gomes dos Santos

Na semana em que se completa um ano de falecimento do neurologista Antônio José Gomes dos Santos, a Faculdade de Medicina de Petrópolis presta homenagem a este que foi um dos seus mais queridos professores. O pavilhão de ensino da Instituição, instalado no Hospital de Ensino Alcides Carneiro receberá o nome de Pavilhão de Ensino Prof. Antônio José Gomes dos Santos. A cerimônia acontece no dia 26 de agosto às 11 horas, reunindo autoridades, amigos, colegas de profissão do professor, alunos e membros da Faculdade de Medicina de Petrópolis.
Falecido em 2009, Antônio José Gomes dos Santos foi professor da Faculdade de Medicina de Petrópolis por mais de 30 anos, Dr. Antônio José tinha 59 anos de idade quando faleceu, vítima de um infarto. Renomado neurologista, Dr. Antônio José Gomes dos Santos nasceu no Rio de Janeiro e formou-se em 1974, na Faculdade de Ciências Médicas da UERJ. Atuou no Hospital Pedro Ernesto e no serviço de urgências médicas da Clínica São Miguel, considerada a melhor urgência do Rio de Janeiro nas décadas de 70 e 80.
Em 1977, Dr. Antônio José ingressou na Faculdade de Medicina de Petrópolis, onde lecionava as disciplinas de clínica médica e fisiologia. Muito querido pelos alunos, ele era considerado um profissional de extrema competência e dono de um contagiante bom humor. Frequentemente ele era convidado para paraninfo ou patrono de suas turmas. Com o passar do tempo, reconhecendo o modelo de médico e pessoa que representava, os formandos escolheram-no como Nome de Turma.
Começou a atuar em 1983 no Hospital de Ensino Alcides Carneiro, onde assumiu várias funções e chegou a ocupar o cargo de diretor geral. Desde março de 2008, Dr. Antônio José Gomes dos Santos era diretor presidente do Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (SEHAC). Estava sempre presente no hospital, independente da hora ou do dia. Profissional sempre dedicado, e muito querido pelos funcionários do Hospital, Antonio José empenhou-se para que o HAC se desenvolvesse sob o novo modelo de gestão, emprestando seu tempo, sua experiência, seu respeitado nome e suas esperanças.
Como professor e pessoa, Dr. Antônio José era admirado por todos com os quais convivia, não apenas pelo seu vasto conhecimento em medicina mas pelo seu temperamento, sua vasta cultura e seus princípios e valores. Era um verdadeiro e excêntrico professor, com seu carisma moldado em uma completa simpatia, sempre brincando e sorrindo, tratando a todos sem distinção de classe ou destaque, com o mesmo respeito e educação.