sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Dia Internacional do Idoso é comemorado com atividades no Ambulatório Escola

Cada vez mais a expectativa de vida aumenta. O conceito estatístico associado ao bem-estar da população é baseado em dados de acordo com diversos aspectos: poluição do local, taxa de criminalidade, violência e acidentes, condições econômicas, acesso à educação, saúde cultura etc, sendo possível fazer um cálculo médio do tempo de vida aproximado de uma sociedade. 

Atualmente, os cuidados com a população da terceira idade foram intensificados, pois a qualidade de vida e os interesses dos idosos por maior longevidade atraem os olhares e os cuidados dos profissionais de saúde. Por isso, para celebrar o Dia Internacional do Idoso, comemorado anualmente no dia 1 de outubro, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) realizou uma série de atividades no Ambulatório Escola, nessa quarta-feira (16). 



“Temos o desejo de trabalhar a saúde do idoso de forma integral. Nosso objetivo é trazer para essa população mais qualidade de vida, através da orientação e de encaminhamentos para as consultas com os especialistas. A pessoa acima dos 60 anos muitas vezes já não tem mais atividade laboral e se sente cansada de ficar com tempo livre em casa. Por isso, convidamos para que venha participar do grupo de idosos do Ambulatório Escola. A gente trabalha educação e saúde, atividades de lazer, passeios, orientações sobre os mais diversos aspectos da vida e do cotidiano. É um espaço importante de convivência e de troca de experiências”, destaca Lívia Firmino, enfermeira no Ambulatório Escola da FMP/Fase. 

Ao longo do dia foram oferecidas atividades relacionadas à prevenção de ISTs (infecções sexualmente transmissíveis) e sexualidade, alimentação, prática de Atividade Física, Saúde mental e física. Além disso, os idosos participaram de atendimentos para aferição de pressão e glicemia.



“É uma distração, porque a gente conhece novas pessoas, conversa sobre vários assuntos. Além disso, tem as consultas médicas e a gente consegue acompanhar com mais facilidade como está a nossa saúde”, comenta Robertina Lúcio de França, aposentada.

Ao perceber a dificuldade da população idosa, que está mais ativa sexualmente, sobre o entendimento das iniciativas de prevenção às infecções que podem ser transmitidas, a aluna de Enfermagem, Suzana Martins, decidiu usar o tema como pesquisa para aplicar no trabalho de conclusão do curso. O objetivo é aumentar o número de diagnósticos na cidade, para que sejam realizados os tratamentos adequados. 

“O meu interesse por esse assunto surgiu durante a prática em Atenção Básica da Saúde. Percebi que quando a gente falava de aconselhamento e de IST era sempre para o público mais jovem. Após várias pesquisas, notei a deficiência para se passar informações sobre as infecções sexualmente transmissíveis para os idosos. A sífilis é a mais evidente entre os casos na cidade. Apesar de muitos profissionais serem qualificados para abordar o tema, se sentem constrangidos para falar sobre sexo com os mais idosos e os pacientes, por sua vez, sentem vergonha de questionar os profissionais de saúde”, destaca Suzana Martins, aluna do 9º período de Enfermagem da FMP/Fase.

O grupo de idosos do Ambulatório Escola funciona às quartas-feiras, às 13h30, em Cascatinha. A reunião é aberta a todos os interessados acima de 60 anos. “O idoso às vezes pensa que com a idade avançada já não vai conseguir fazer mais nada. Mas aqui, a gente se exercita, conversa e aprende a fazer muitas coisas. Quanto mais a gente incentiva os idosos, mais força encontramos para poder viver com qualidade”, finaliza Joaquim Lima, aposentado e ex massoterapeuta do Flamengo.

Fase promove II Semana de Odontologia e I Meeting de Odontologia Estética de Petrópolis

A Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para a II Semana de Odontologia e I Meeting de Odontologia Estética de Petrópolis. Os eventos serão realizados nos dias 16 e 17 de outubro, das 08h às 17h30, no campus da faculdade. 

Prótese total será o tema de abertura do evento. Por ser um assunto que tem constante demanda da população, mas que gera dúvidas em meio aos profissionais, a palestra promete esclarecer algumas questões sobre possibilidades e limites terapêuticos. O palestrante será o Cirurgião Dentista Walter Fialho, especialista em Prótese Dentária e Mestre em Odontologia, área de concentração em Dentística. 

Várias novidades sobre a área da Odontologia serão debatidas e apresentadas durante os dois dias do evento. Entre elas, Cimentação adesiva; Antes da estética; Estado da arte em laminados anteriores (lentes de contato); O uso da odontologia digital nas reabilitações estéticas; e Restaurações cerâmicas sobre implante. 

“Integrar a comunidade odontológica à faculdade, que é um polo de produção científica onde todos colaboram e se enriquecem de conhecimentos, é a nossa proposta. Esse ano pensamos em expandir o evento de odontologia para que os profissionais da região possam ser favorecidos também com a troca de informações e a construção de conhecimentos que o evento fomenta. Atualmente, a gente percebe que muitos dentistas estão cada vez mais isolados em seus consultórios e com pouco tempo de buscar novos conhecimentos. Então, queremos que eles venham compartilhar conosco e conhecer o que há de mais moderno na área de odontologia restauradora. Por isso, montamos uma grade bem diversa, com profissionais muito qualificados”, explica o professor Rudá Moreira, Organizador da II Semana de Odontologia e do I Meeting de Odontologia Estética de Petrópolis. 

Além das palestras, os participantes também terão a oportunidade de participar de oficinas sobre “Uso dos agregados plaquetários na rotina clínica”, com Rafael Coutinho, especialista em Implantodontia, “Construindo facetas diretas com auxílio de matrizes pré-fabricadas U Venner. Uma técnica simples e eficiente”, com Luiz Schwartz, especialista em Prótese Dentária e Gestão Estratégica nas Organizações de Saúde, “Resinas posteriores: eficácia e qualidade”, com Fábio Pinheiro, especialista em Dentística e em Ortodontia, “Retentores intrarradiculares: conceito KISS ‘Keep it stupidly simple’, com Sandro Bom, mestre em Clínica Odontológica. 

As atividades serão realizadas na Sala Arthur de Sá Earp Neto e nos laboratórios de práticas odontológicas. Outras informações e as inscrições devem ser feitas no site: www.fmpfase.edu.br.

Técnicas de Negociação

Despertar habilidades básicas de relacionamento, estratégia e negociação, preparando os participantes para que sejam solucionadores de conflitos, identificando e separando pessoas dos problemas, problemas de soluções é a proposta do curso de extensão em Técnicas de Negociação da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase), que está na décima turma. As aulas serão realizadas no campus da faculdade, nos dias 09 e 23 de novembro (sábados), das 14h às 18h30. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Sustentabilidade e denúncias ambientais

No dia 19 de outubro (sábado), das 09h30 às 17h30, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) vai oferecer o novo curso de Extensão em Elaboração de Projetos de Sustentabilidade e de Denúncias Ambientais. A proposta é capacitar os participantes para que possam agir pela solução de problemas ambientais em suas localidades de residência ou atuação profissional, contribuindo para a sustentabilidade socioambiental através da formação do “sujeito ecológico”. As inscrições e outras informações estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Oncologia

Orientar os profissionais de Enfermagem sobre prevenção, detecção precoce, tratamento e cuidados paliativos em pacientes com câncer é o objetivo do curso de extensão básico em Oncologia para área de Enfermagem da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) que está na terceira turma. As aulas serão realizadas nos dias 23, 24 e 25 de outubro, das 18h às 21h. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Design Thinking


A Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para a segunda turma do curso de Extensão em Design Thinking, abordagem que visa à resolução de problemáticas em diversas áreas empresariais, principalmente no desenvolvimento de produtos e serviços, tendo como base o trabalho em equipe para realização dos projetos. As aulas serão realizadas no campus da FMP/Fase, nos dias 26 de outubro, 09 e 23 de novembro de 2019 (sábados), das 13h30 às 17h30. As inscrições e outras informações podem ser obtidas no site: www.fmpfase.edu.br.

Fase abre inscrições para novo curso de Planejamento e Gestão de Cervejarias

Entre as paixões dos brasileiros, a cerveja é a bebida que mais se destaca na preferência nacional. Quando se trata do mercado artesanal, o assunto ganha ainda mais força e atrai os apreciadores de diversas regiões do país, que buscam sabores diferenciados da “gelada”. Em Petrópolis, considerada a capital estadual da cerveja, com 24 marcas produzidas na cidade, o ramo cervejeiro cresce a cada dia, sendo um dos setores que mais se desenvolveu no município nos últimos anos. 

Diante deste cenário que está em plena expansão na cidade, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase), em parceria com a ECE (Escola do Cervejeiro Empreendedor e a Associação dos Cervejeiros e Cervejarias Especiais do RJ), está com inscrições abertas para o novo curso de Planejamento e Gestão de Cervejarias, que terá dois módulos no ano que vem. O primeiro será oferecido em janeiro e o segundo em abril.


“Em algumas reuniões nas associações cervejeiras e durante visitas em eventos do setor, percebemos que marcas de boas receitas têm deixado o mercado, sendo um dos principais motivos a falta do conhecimento de gestão do seu próprio negócio, especialmente, na formação de preço de custo e de venda (margem de contribuição, custos tributários etc.). Petrópolis é uma cidade da rota cervejeira e não existe uma escola nos mesmos moldes que estamos oferecendo no estado do Rio de Janeiro”, explica a administradora Thaís Rocha, coordenadora do curso de Planejamento e Gestão de Cervejarias da FMP/Fase.

A proposta do curso da FMP/Fase é formar pessoas que tenham interesse em empreender e/ou gerir um negócio, próprio ou de terceiros, do setor cervejeiro. Empreendedores e trabalhadores do ramo cervejeiro de pequenas a grandes empresas.

As aulas serão realizadas segundas e quartas-feiras, das 18h30 às 22h30. O módulo I será oferecido de 27 de janeiro a 20 de abril de 2020. O segundo módulo será de 27 de abril a 15 de julho de 2020. A parte teórica será realizada no campus da FMP/Fase e a prática, com as experiências, na Cervejaria Bohemia. A programação do curso, que tem carga horária de 180 horas, e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Moradores do Vale do Carangola se mobilizam em ação sobre o câncer de mama

No último sábado (05), alunos e professores da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) que participam do projeto de extensão no Vale do Carangola se reuniram com a comunidade em uma ação de conscientização sobre o câncer de mama. 

“Foi uma experiência muito positiva. Superou as nossas expectativas de participação em relação às crianças. Todas atentas às atividades propostas, tirando dúvidas relacionadas a determinados problemas de saúde. Foi muito interessante, porque elas fizeram perguntas mais complexas e que nos forçaram a improvisar para explicar para um público leigo, por exemplo, e sendo crianças, o que é um tumor. Coisa que a gente nem imaginava que elas poderiam perguntar. Então, essas atividades realmente fazem a diferença na vida da comunidade e esclarecem o que para eles ainda é algo muito distante, desconhecido”, explica Gabriele Pinheiro, aluna do 3º período de Medicina da FMP/Fase. 



A programação teve início com a caminhada pelo bairro, saindo do Centro de Referência de Assistência Social do Vale do Carangola - SAS/CRAS. Logo após, foram realizadas coletas de preventivo e consultas de saúde mamária, rodas de conversa sobre autoestima, prevenção do câncer, direitos trabalhistas/direito das pessoas com câncer, além de atividades culturais e recreativas, realizadas na Escola Municipal Lúcia de Almeida Braga. 



“Uma das nossas preocupações é estabelecer uma relação de confiança com a comunidade. Então, nosso objetivo é aumentar essa proximidade e o canal de interlocução direto com os moradores. Um outro aspecto interessante que a gente pode usar da atividade como ponto de observação é no desenvolvimento dos nossos alunos extensionistas. Cada vez mais, o grupo de alunos está envolvido, assumindo um protagonismo, papel de liderança diante das ações e da estratégia traçada coletivamente. O impacto desse projeto na formação deles, onde se trabalha com atitudes e habilidades que são importantes quando exercem seus papéis na sociedade, fica evidente”, destaca Ricardo Tammela, coordenador de Projetos e Extensão da FMP/Fase. 

A ação realizada pela segunda vez no bairro teve o apoio da APPO (Associação Petropolitana de Pacientes Oncológicos), Unidade de Saúde da Família do Vale do Carangola, Escola Municipal Lúcia de Almeida Braga, Academia da Saúde do Vale do Carangola, Centro de Referência de Assistência Social do Vale do Carangola - SAS/CRAS e NASF. 

“A minha meta como especialização é trabalhar na área da Saúde da Família. Esse projeto me deixa ciente de onde vou trabalhar e principalmente com quem eu vou trabalhar, porque meu objetivo é atuar diretamente no cuidado com as crianças. Então, essas atividades agregam muito tanto para minha vida pessoal, quanto para a profissional”, frisa Aaron Natanel, aluno do 2º período de Enfermagem da FMP/Fase.

A FMP/Fase está inserida no dia a dia da comunidade do Vale do Carangola desde 2014, quando começou a realizar projetos de extensão com a participação de alunos e da própria comunidade. O primeiro foi a exposição itinerante sobre gravidez na adolescência. 

“Essas iniciativas são muito importantes para nós. Precisamos mesmo tirar as nossas dúvidas sobre vários temas relacionados à saúde. Essa troca de conhecimentos realizada nesses eventos nos esclarece muito sobre como nos cuidarmos para garantirmos uma vida mais saudável não só para nós, mas para toda a nossa família”, finaliza Ângela Maria Rosa, presidente da Associação de Moradores do Vale do Carangola.



Preservar a vida com ética

Maria Regina Bortolini, Gabriel Martins e Márcia Varrichio, da comissão organizadora da 25ª Semana Científica da FMP/Fase


Você já ouviu falar de bioeconomia? Talvez essa realidade o permeie e não tenha noção disso. Você discute sobre o uso de agrotóxicos? Se preocupa com o destino dos canudinhos, copos e sacolas plásticas que usa? Você utiliza máscara anti-aging? Você deseja viver num futuro sustentável?

Da pesquisa sobre alimentos funcionais à produção de alimentos transgênicos assim como o uso de células tronco, uma vasta gama de produtos, processos e serviços de base biotecnológica de menor impacto ambiental, com vistas a garantir maior sustentabilidade e qualidade de vida é o que define a bioeconomia. 

O Brasil tem a maior diversidade biológica do planeta, com muitos ativos de grande interesse para a economia, criando uma janela de oportunidades e garantindo “competitividade para novos empreendedores em segmentos vitais como a agricultura, a saúde, e as indústrias química, de materiais e de energia”, nas palavras do ex-presidente da Embrapa, Maurício Antônio Lopes. 

No entanto, para garantir a melhor utilização e aproveitamento da biodiversidade e respeito as comunidades tradicionais, sem comprometer os ecossistemas, é necessário construir políticas públicas que preconizem o respeito à vida.

Sobram temas para reflexão. Por isso, em nossa 25ª Semana Científica, de 23 a 25 de outubro, em Petrópolis, vamos discutir as possibilidades e os dilemas que o campo da bioeconomia nos traz, refletir sobre os limites éticos que ele exige, de modo a se preservar o cuidar como ética na vida, como uma atitude presente e cotidiana.

Estamos trabalhando a partir de dois eixos fundamentais: pensar a bioeconomia como oportunidade de desenvolvimento econômico, considerada a biotecnologia aplicada ao desenvolvimento de produtos, que hoje se coloca como uma grande oportunidade de negócio no mercado, mas também considerar que toda essa biodiversidade envolve não só o cuidado e a preservação de um patrimônio biológico, mas também de saberes tradicionais que estão relacionados à preservação dessa riqueza e de como, através dos tempos, diferentes povos de alguma forma construíram uma relação com o meio ambiente onde o respeito e o cuidado permitiram compreender a dinâmica possível entre o homem e a natureza que gera saúde, bem-estar e maior sustentabilidade para o planeta e para qualquer civilização humana.

Saúde com carinho

Carlos Vinícius Leite
Mastologista e professor da Faculdade de Medicina de Petrópolis

O movimento Outubro Rosa no país é um dos exemplos do Brasil que dá certo. O despertar da consciência sobre a importância da prevenção ao câncer de mama cresce a cada ano e se estende ao longo dos meses entre as mulheres. Claro que há muito a fazer, como a necessidade de se aumentar o acesso aos exames de mamografias, investir no rastreamento genético para o diagnóstico precoce e também nos cuidados paliativos de pacientes graves. Outra ação importante é preparar o pessoal da área para a detecção precoce do problema, como fazemos no projeto de capacitação das equipes de Saúde da Família, em Petrópolis e no Rio.

Mas hoje quero conversar com as meninas, para que aprendam mais sobre seus corpos e o autoexame, e com os meninos, para que conheçam a doença que pode atingi-los também, mesmo que em bem menor escala. Está aí o exemplo do pai da cantora Beyoncé, Mathew Knowles, que retirou uma das mamas e fará outra cirurgia em janeiro. Famosos ou não, os casos de câncer mostram o quanto são fundamentais a prevenção e o início do tratamento ainda no estágio inicial. É preciso estar alerta aos sinais do corpo e redobrar a atenção, quando se tem casos na família.

Na maioria dos casos, o câncer de mama se manifesta como um nódulo ou caroço. Temos outros sinais de alerta, como vermelhidão e pele endurecida, áreas da mama com abaulamentos ou retrações, feridas que não cicatrizam e coceiras que não melhoram, além de líquido no bico do peito saindo sem apertar, de cor vermelha ou transparente. Todas devem ficar atentas para observar esses sintomas após o período menstrual.

Sobre o câncer de mama sabe-se que 95% dos casos diagnosticados no início têm possibilidade de cura. Isso significa que diagnosticar a doença na fase inicial pode aumentar as chances de cura e diminuir a agressividade do tratamento. A detecção precoce preconizada pela Sociedade Brasileira de Mastologia é realizada através do rastreamento entre mulheres assintomáticas da seguinte forma: exame clínico das mamas, que deve ser feito de forma anual em pessoas com 40 anos ou mais; rastreamento mamográfico anual, para mulheres na mesma faixa etária; e o autoexame, a ser realizado mensalmente, após a menstruação. Quando há histórico familiar da doença são recomendados o exame clínico e a mamografia anualmente, a partir dos 35 anos.

Com a conscientização da população é possível reforçar a prevenção primária, com ações que qualquer mulher pode fazer para evitar causas e fatores de risco para o câncer de mama, como a obesidade, principalmente na menopausa; o tabagismo; o uso excessivo de álcool; e o sedentarismo.

Já o tratamento dependerá do tipo e estágio do câncer. Para o controle local da doença, pode ser necessária a utilização da radioterapia na mama e nas regiões dos gânglios. Ela não é empregada em todos os casos. A quimioterapia, a terapia hormonal e a terapia alvo são um conjunto de medicamentos que podem ser usados por via oral ou através da corrente sanguínea, via soro, para atingir as células cancerígenas em qualquer parte do corpo.

Hoje, o tratamento do câncer é personalizado. Cada paciente e cada tumor são analisados detalhadamente para se saber os riscos e benefícios de cada opção a ser oferecida. São considerados o tratamento com o melhor efeito, a tolerabilidade pelo paciente e os menores efeitos colaterais, sempre com máxima segurança. Por isso, todas as opções de tratamento devem ser discutidas, para ajudar na tomada da decisão que melhor se adapte às necessidades de cada pessoa, incluindo aí a cirurgia.

É importante frisar que o câncer aparece na mama, mas é uma doença do corpo inteiro. Assim devemos ter uma estratégia para atacar onde nasceu o problema e outra para o restante do corpo. O apoio da família e dos amigos é mais que bem-vindo. Exemplos de superação não faltam, e nos ensinam muito sobre a beleza da vida.

Aluno de Medicina ganha bolsa do Santander


Um convênio entre a FMP/Fase e o Banco Santander possibilitou que o aluno Vinicius Moraes Moreira, do 5º período do curso de Medicina, fosse selecionado pelo programa de bolsas para graduação oferecido pela instituição financeira. Ele receberá uma bolsa-auxílio mensal, durante um ano, para auxiliá-lo no pagamento da mensalidade ou outros custos relacionados, como material, transporte, alimentação etc. Natural de Vitória, no Espírito Santo, Vinícius atendeu a todas as condições do processo seletivo, dentre elas a de não fazer parte de outros programas de auxílio financeiro e de ter excelente e comprovado desempenho acadêmico.


O aluno Vinícius Moraes Moreira com a supervisora geral da FMP/Fase, Maria Isabel de Sá Earp Chaves, e o diretor da FMP, Paulo Cesar Guimarães.

Vinícius com os diretores da FMP/Fase e equipe do SAE (Serviço de Atendimento ao Estudante).



terça-feira, 8 de outubro de 2019

Curso de Administração da Fase está entre os melhores do Brasil

Pela terceira vez consecutiva, o curso de Administração da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) recebeu a nota máxima no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), referente ao ano de 2018. O curso se posiciona entre os melhores do Brasil, na avaliação do Ministério da Educação. No ranking geral, a graduação ocupa o 1º lugar em Petrópolis e a 4ª posição no estado do Rio de Janeiro.

O Enade é o principal componente para o cálculo dos indicadores de qualidade da educação superior. O exame avalia o rendimento dos estudantes em relação a conteúdos programáticos, habilidades e competências para atuação profissional e conhecimentos sobre as realidades brasileira e mundial, bem como outras áreas do conhecimento. Sem a participação na prova não é possível colar grau.

“Mais uma vez, o curso de Administração da Fase tem se destacado pela sua excelência. Excelência que só se conquista com trabalho contínuo e perseverança na manutenção dos padrões de qualidade. Excelência que se traduz em uma equipe de professores altamente competentes e compromissados e por alunos, igualmente responsáveis, que investem com muita seriedade em sua formação. Esse excepcional resultado, de estarmos entre as melhores escolas de Administração do Brasil, nos dá a certeza de que seremos reconhecidos em breve como Centro Universitário, ampliando assim a abrangência das nossas atividades em prol de Petrópolis, Cidade Universitária. Parabéns alunos, professores e funcionários pelo exemplo de valorização da educação como meio de alcançar oportunidades pessoais, redução das desigualdades e desenvolvimento social”, comemora Maria Isabel de Sá Earp Chaves, supervisora geral da FMP/Fase.

O curso noturno oferece ampla estrutura para os alunos de Administração e um corpo docente formado por 90% de mestres e doutores, todos com experiência acadêmica e de mercado.


A FMP/Fase entende que uma formação completa e de qualidade se dá através do desenvolvimento de um profissional ativo e proativo na gestão de organizações de forma que seja possível desenvolver características pessoais que destaquem a criatividade, a capacidade de análise, o espírito inovador, a habilidade de identificar e definir problemas e soluções, bem como analisar oportunidades de atuação na sociedade. Por isso, o curso de Administração oferece formações complementares. A partir do 5º período, o futuro profissional tem a oportunidade de se aprimorar em algumas áreas específicas, como: Sistemas de Informação, Gestão da Saúde e Marketing.

No ciclo profissional (5º ao 8º período), os alunos são avaliados em uma prova de conhecimentos cumulativos onde se tem a oportunidade de melhoria do processo de ensino-aprendizagem. É um controle de qualidade interno da FMP/Fase para que o curso possa garantir ao máximo a entrega de um profissional adequado ao mercado de trabalho.
“Vários empregadores, regionais e até internacionais, buscam em seus processos seletivos alunos formados em Administração, preferencialmente, pela Fase, para comporem seus quadros funcionais. É a primeira opção de empresas e agências de RH na contratação de estagiários e bacharéis de Administração”, ressalta Levi de Souza, coordenador do curso de Administração da Fase.

O NIREM (Núcleo de Inovação e Relacionamento com o Mercado) propõe iniciativas e atividades que integrem os cursos de gestão da faculdade, trazendo ideias inovadoras e reflexões sobre o futuro da carreira do administrador/gestor, buscando alternativas que incrementem e suportem o desenvolvimento regional. Entre diversas ações deste núcleo estão: a empresa Jr do curso (empresa de consultoria conduzida por alunos); as iniciativas de pesquisa para o campo da Administração; e projetos de extensão capitaneados pelos cursos de gestão.

Reunião de negócios da empresa Petrópolis Jr., que oferta serviços de Consultoria e Assessoria Empresarial.


“Toda a qualidade na estrutura física da faculdade e na filosofia de ensino adotada faz total diferença na formação de cada aluno. É notável o diferencial competitivo dos alunos perante o mercado de trabalho, pois ao longo da faculdade conseguimos desenvolver habilidades e competências diferenciadas. Somos desafiados a todo momento, o que nos permite desenvolver pensamento crítico, capacidade analítica, olhar sistêmico estratégico e técnicas para tomada de decisões assertivas. Fico muito feliz em fazer parte do resultado que mantém o curso de Administração da Fase entre os melhores do Brasil", comenta Gabriel Borde, que participou do Enade para o curso de Administração da Fase, no ano passado.

Garantindo a democratização do saber e o acesso ao ensino de qualidade, a Fase oferece diferentes formas para facilitar o ingresso no Ensino Superior de excelência. No processo seletivo do dia 20 de outubro, a instituição está oferecendo bolsas de 50% de desconto para o curso de Administração, em todas as mensalidades, para pessoas com 50 anos ou mais. Ainda são ofertados descontos de 30% para transferência e segunda graduação e 20% para funcionários de empresas conveniadas e seus dependentes, e ingresso através dos programas do governo: Fies e Prouni. Outras informações estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br ou pelos telefones (24) 2244-6471 e WhatsApp (24) 9 8865-0693. 

Unidade de Alimentação e Nutrição

A Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para o novo curso de extensão que pretende desenvolver habilidades relacionadas à gestão de Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN). As aulas serão realizadas nos dias 26 de outubro e 09 de novembro, das 13h às 17h. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpase.edu.br.

Mastologia será tema de simpósio na FMP/Fase

No dia 19 de outubro, das 8h às 13h, acontecerá o II Simpósio de Mastologia FMP/SBM Rio, em Petrópolis. A organização é da regional fluminense da Sociedade Brasileira de Mastologia e da Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP/Fase), onde ocorrerá o encontro. O objetivo é discutir as patologias mamárias mais comuns e fornecer subsídio teórico ao profissional de saúde que participa do cuidado às mulheres em todos os níveis: da atenção básica até a unidade hospitalar. 

O encontro é voltado para médicos de diversas especialidades envolvidos com o tema (mastologista, ginecologista, radiologista, patologista, geneticista, radioterapeuta, oncologista, médico de família e comunidade), enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, médicos e enfermeiros residentes, além de alunos de graduação (Medicina, Enfermagem, Psicologia e Fisioterapia). 

Dentro do Outubro Rosa e com apoio da Liga de Saúde da Mulher da FMP/Fase, o simpósio tem Vander Guimarães como professor responsável. Ele é médico obstetra e professor da faculdade. 

Gratuitas, as inscrições para o II Simpósio de Mastologia FMP/SBM Rio vão até 18 de outubro e podem ser feitas através do site da faculdade, em www.fmpfase.edu.br.

Ministério da Educação renova Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social da FMP/Fase

A Fundação Octacílio Gualberto, mantenedora da Faculdade de Medicina de Petrópolis e da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) acaba de ter o seu Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social (CEBAS) renovado pelo Ministério da Educação, conforme publicado no Diário Oficial da União, desta terça-feira(08).

O certificado é concedido pelo Governo Federal às organizações privadas, sem fins lucrativos, reconhecidas como entidades beneficentes de assistência social que prestem serviços nas áreas de educação, assistência social ou saúde.

O CEBAS Educação é uma ação que contribui de maneira efetiva para o processo de inclusão social no país por meio da garantia de oferta de bolsas de estudo, integrais ou parciais, constituindo-se em uma política pública de acesso à Educação Básica e Superior.

Assim, a renovação do CEBAS da Fundação Octacílio Gualberto pelo MEC só reforça e fortalece a sua política institucional de inclusão social e permanência no ensino superior, contribuindo efetivamente para a implementação das políticas públicas na área da educação, em especial para o alcance das metas do Plano Nacional de Educação.

segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Atuação prática durante o curso, estímulo ao empreendedorismo e reconhecimento pelo mercado de trabalho chamam a atenção dos alunos de Administração da FMP/Fase

Atualmente, os cenários nacional e mundial apresentam mudanças significativas em inúmeros campos do saber. Essas alterações implicam em necessidades de ajustes para o profissional não ficar em desvantagem no mercado de trabalho, gerando assim um forte impacto na economia de uma região ou país. 

“Nesse contexto, podemos observar a importância da atuação de um bom profissional de gestão, em especial, a gestão de uma empresa ou de seus negócios. Isso porque a iniciativa empresarial, apoiada em eficazes ajustes e incentivos do Estado, gera rendas e empregos que ajudam o país a prosperar. Para que isso seja alcançado, nossas empresas precisam ser mais competitivas e inovadoras. Investimentos em capacidade produtiva/tecnológica e em pessoas qualificadas passaram a ser pré-requisitos para o desenvolvimento social e sustentável”, explica Levi de Souza, coordenador do curso de Administração da FMP/Fase.

Reunião de negócios da empresa Petrópolis Jr., que oferta serviços de Consultoria e Assessoria Empresarial.

A FMP/Fase entende que uma formação completa e de qualidade se dá através do desenvolvimento de um profissional ativo e proativo na gestão de organizações de forma que seja possível desenvolver características pessoais que destaquem a criatividade, a capacidade de análise, o espírito inovador, a habilidade de identificar e definir problemas e soluções, bem como analisar oportunidades de atuação na sociedade. Por isso, o curso de Administração oferece formações complementares. A partir do 5º período, o futuro profissional tem a oportunidade de se aprimorar em algumas áreas específicas, como: Sistemas de Informação, Gestão da Saúde e Marketing. 

“O profissional de Administração é responsável pelo planejamento e funcionamento da organização, desenvolvendo-a em sua atuação estratégica, mercadológica, implementando políticas e métodos de trabalho. É, portanto, um agente de mudanças, atuando de forma criativa, empreendedora e questionadora diante das mudanças na sociedade em que vivemos”, destaca o coordenador. 

No que se refere a recursos materiais e, especialmente, a recursos profissionais, o curso conta com a mais moderna infraestrutura de salas de aula e auditórios, e um corpo docente formado por 80% de mestres e doutores, todos com ampla experiência acadêmica e de mercado. Esses diferenciais se fundamentam nos resultados obtidos nos exames avaliadores do ensino superior do MEC, como as provas do Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes), em que o curso se posiciona entre os melhores do estado do Rio de Janeiro. 

“Assim que terminei a graduação, dei início ao curso de MBA em Gestão Financeira em uma instituição também muito renomada no país. A minha entrada no curso só foi possível graças ao reconhecimento de excelência da FMP/Fase e de toda a grade curricular do curso de Administração da instituição, visto que eles prezam por um período de experiência profissional como pré-requisito de iniciação no MBA, que eu não atendia, mas a minha vivência acadêmica na Fase compôs essa necessidade e eu pude iniciar esse MBA. Ao longo das disciplinas que vejo nesse curso de especialização, percebo a qualidade do conteúdo que aprendi na Fase, de exigência mesmo, visto que os conceitos passados nesse MBA já foram trabalhados de forma muito sólida durante o meu período acadêmico na FMP/Fase”, conta a administradora Daiane Costa, que se formou em 2017, na FMP/Fase.

Daiane Costa destaca que o curso de Administração da FMP/Fase oferece uma visão sistêmica de toda uma organização, um diferencial de conhecimento no mercado de trabalho.

O curso oferece apoio especial logo no primeiro período, com aulas de reforço para ajustar os níveis de conhecimento em matemática e interpretação de textos. O objetivo é buscar um nivelamento nessas importantes áreas básicas para um bom desempenho nas técnicas da Administração. Além disso, os estudantes são inseridos em atitudes para o “empreendedorismo” e aprendem, com apresentações no modelo de “Pitch”, a desenvolver uma forma de discurso conciso para apresentar uma ideia, seguindo a dinâmica das chamadas “startups”. 

No ciclo profissional (5º ao 8º período), os alunos são avaliados em uma prova de conhecimentos cumulativos onde se tem a oportunidade de melhoria do processo de ensino-aprendizagem. É um controle de qualidade interno da FMP/Fase para que o curso possa garantir ao máximo a entrega de um profissional adequado ao mercado de trabalho. 

“Vários empregadores, regionais e até internacionais, buscam em seus processos seletivos alunos formados em Administração, preferencialmente, pela Fase, para comporem seus quadros funcionais. É a primeira opção de empresas e agências de RH na contratação de estagiários e bacharéis de Administração”, ressalta Levi de Souza.

O curso noturno oferece ampla estrutura para os alunos de Administração, com possibilidade de atuação prática na Empresa Jr.

O NIREM (Núcleo de Inovação e Relacionamento com o Mercado) propõe iniciativas e atividades que integrem os cursos de gestão da faculdade, trazendo ideias inovadoras e reflexões sobre o futuro da carreira do administrador/gestor, buscando alternativas que incrementem e suportem o desenvolvimento regional. Entre diversas ações deste núcleo estão: a empresa Jr do curso (empresa de consultoria conduzida por alunos); as iniciativas de pesquisa para o campo da Administração; e projetos de extensão capitaneados pelos cursos de gestão. 

“Tudo que aprendi na faculdade pude colocar em prática em uma organização de terceiro setor que precisava passar por uma reestruturação financeira. Foi preciso se ater mais aos custos, visto que as receitas são variáveis. Os meus conhecimentos foram aplicados, trazendo bons resultados. O curso de Administração da Fase permite uma visão realmente 360º e que propicia esse olhar mais aguçado para as realidades das organizações. É uma formação realmente diferenciada, com visão sistêmica de toda a organização, de olhar a instituição como um todo e não apenas fragmentada. Quando a gente chega de fato ao mercado de trabalho isso se torna um grande diferencial”, finaliza Daiane Costa, ex-aluna da FMP/Fase.

Os ex-alunos do curso de Administração da FMP/Fase são convidados a retornar à instituição para eventos e palestras.

Através do programa “Como vai você? ”, que visa à integração de ex-alunos (egressos) com a instituição de ensino, a faculdade proporciona a oportunidade de um reencontro – não somente com os colegas de faculdade e ex-professores, mas com o passado e suas lembranças durante o período acadêmico. Por meio desse projeto, o egresso pode voltar à sala de aula, tanto para aprender novos conceitos em sua profissão, como também para compartilhar sua experiência com os atuais estudantes. 

“Quando saí da faculdade, participei de processos seletivos muito rigorosos, com pessoas formadas em excelentes faculdades do Brasil para preencher apenas uma vaga. Eu estudei na Fase e posso dizer que ela é uma faculdade muito competitiva, muito bem vista e muito bem-conceituada no mercado de trabalho”, frisa o egresso de Administração, Diogo Segneri, que hoje coordena a área de Qualidade na Nissan, em Porto Real/RJ. 

Garantindo a democratização do saber e o acesso ao ensino de qualidade, a Fase oferece diferentes formas para facilitar o ingresso no Ensino Superior de excelência. No processo seletivo do dia 08 de agosto, a instituição de ensino está oferecendo bolsas sociais de 50% de desconto para o curso de Administração, além de 50% de desconto em todas as mensalidades, para pessoas com 50 anos ou mais. Ainda são ofertados descontos de 30% para transferência e segunda graduação e 20% para funcionários de empresas conveniadas à FMP/Fase e seus dependentes, e ingresso através dos programas do governo: Fies e Prouni. Outras informações estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br ou pelos telefones (24) 2244-6471 e WhatsApp (24) 9 8865-0693.

Estrutura do curso de Odontologia da Fase destaca Petrópolis na área de saúde e amplia atuação dos alunos

Em um cenário de constante inovação tecnológica e avanços na área da saúde, mesmo com a retração do mercado, por conta da crise instalada no país, Petrópolis recebeu um importante incremento nas áreas de saúde e educação, com os investimentos realizados pela Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) na ampliação dos serviços de saúde oferecidos à população, com o novo prédio do Ambulatório Escola, em Cascatinha.

O amplo e moderno espaço de ensino prático profissional oferece aos estudantes de Odontologia uma estrutura com tecnologia de ponta para aulas supervisionadas e garante formação profissional integrada com as outras áreas da saúde. São 52 consultórios odontológicos; serviço odontológico de imagem com 3 salas de raios-x e tomografia odontológica; laboratório de simulação odontológica, sala de estudos para os acadêmicos trocarem informações e 7 salas de aula com 48 lugares cada. Além disso, a clínica de odontologia utiliza prontuário eletrônico de pacientes possibilitando a atualização dos métodos de armazenamento e consulta de informação, facilitando a sua transmissão para outras unidades do Sistema e para trabalhos científicos.


O novo prédio do Ambulatório Escola oferece ampla estrutura de aprendizagem prática para os acadêmicos de Odontologia.


“Existe uma infraestrutura muito adequada para o curso de Odontologia, com um projeto pedagógico de alta qualidade e com serviços de saúde próprios da faculdade, que estão disponíveis para a população. O ensino de Odontologia se torna ainda mais relevante para o desenvolvimento da comunidade, da cidade e também para a formação de um profissional mais voltado para a realidade de saúde da população brasileira”, destaca Maria Isabel de Sá Earp de Resende Chaves, supervisora geral da FMP/Fase.

Toda a estrutura digital instalada no Ambe proporciona um sistema de agendamento de pacientes, chamada e prontuário odontológico integrados. A radiologia odontológica é totalmente digital, com radiografias intra-orais, extra-orais e tomografia, que são visualizadas nos computadores que estão disponíveis em todos os consultórios odontológicos.

“Estamos no processo de cotação dos outros equipamentos digitais para escaneamento intra-oral e confecção de coroas e restaurações em cerâmica. Essa tecnologia substitui a moldagem e os modelos em gesso”, destaca a professora Drª Vera Soviero, coordenadora do curso de Odontologia da FMP/Fase. O investimento nessa estrutura ressalta, ainda mais, a preocupação da FMP/Fase em oferecer cenários de prática com equipamentos de ponta, os mais modernos disponíveis no mercado, para garantir excelência no ensino. Os cirurgiões-dentistas graduados na instituição estarão preparados para atuar nos centros com as mais avançadas tecnologias em saúde.

“Além disso, no Ambulatório Escola, nós temos a oportunidade de desenvolver ensino e assistência integrando a Odontologia às demais áreas da saúde, pois alunos dos cursos de Medicina, Enfermagem, Nutrição, Psicologia e Radiologia também realizam atividades práticas no ambulatório”, acrescenta Vera Soviero.

O curso que, desde a sua implementação, no primeiro semestre de 2016, recebeu avaliação máxima do MEC, conceito 5, considerando as três dimensões avaliadas – projeto pedagógico, corpo docente e estrutura física – agrega ainda mais valor ao título de reconhecimento de Petrópolis como cidade universitária. A matriz curricular visa formar novos profissionais que terão um importante papel junto à Atenção Básica, pois os estudantes participam ativamente de projetos de extensão, atuam em unidades de saúde da família e em escolas com atividades de assistência em saúde bucal e campanhas de prevenção.


Os estudantes participam ativamente de projetos de extensão e de campanhas de conscientização sobre saúde bucal nas escolas do município.



“O curso de Odontologia, de uma maneira geral, completa esse quadro de tradição da FMP/Fase em relação ao cuidado integral oferecido aos pacientes. A estrutura para as aulas práticas nos possibilita inúmeras outras técnicas de aplicação do ensino. No Ambulatório Escola são realizados os mais diversos procedimentos clínicos odontológicos em adultos e crianças. Em 2019, iniciamos o atendimento na clínica odontológica infantil, que recebe desde bebês até adolescentes”, ressalta a coordenadora do curso.

Os alunos do curso de Odontologia da FMP/Fase também utilizam laboratórios de simulação realística e cenários de prática específicos para a área odontológica. Os estudantes, antes de praticarem procedimentos operatórios nos pacientes, os fazem nos manequins odontológicos. O curso foi planejado para ter turmas pequenas que se beneficiam de atenção diferenciada dos professores nas atividades práticas. Outro diferencial do Curso de Odontologia está na inserção dos alunos de graduação em práticas de Odontologia Hospitalar, no 9o e último período do curso.

Os alunos de Odontologia da Fase utilizam modernos equipamentos nos laboratórios de estudos e pesquisas.


A ampla estrutura do campus permite que a prática simule a realidade para a aprendizagem nas mais diversas áreas da Odontologia, desde o exame bucal até tratamentos mais avançados como cirurgias orais, restaurações dentárias em porcelana e próteses reabilitadoras.

A estrutura do campus universitário oferece eventos culturais e promove qualidade de vida e bem-estar para os estudantes.



A FMP/Fase investe na área de Odontologia há mais de 15 anos, com cursos de pós-graduação e linhas de pesquisa. Dessa forma, os profissionais da cidade podem se especializar em diferentes áreas de atuação, sem precisar sair de Petrópolis para ter acesso a um ensino moderno e de excelência. Frisando a importância da democratização do saber e o compromisso de garantir que todos tenham acesso ao ensino comprometido com o cuidado à vida, a Fase aceita o ingresso através dos programas do governo: Fies e Prouni. O próximo Vestibular está marcado para o dia 20 de outubro. Outras informações estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br ou pelos telefones (24) 2244-6471 e WhatsApp (24) 9 8865-0693.

terça-feira, 24 de setembro de 2019

Graduação da Fase foca na valorização do aluno

A ênfase em modernas práticas pedagógicas de ensino faz da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) uma das melhores faculdades particulares da Região Serrana do estado do Rio de Janeiro. Há mais de duas décadas, a Fase forma excelentes profissionais que se destacam aonde quer que exerçam suas atividades, em razão da sólida formação que recebem. 

Comprometida com a valorização do ser humano e com a excelência do ensino, a Fase oferece formação nas áreas de Administração, Bacharelado em Enfermagem, Licenciatura em Enfermagem, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Pública, Nutrição, Psicologia, Odontologia e Tecnólogo em Radiologia. 

O Campus Parque da Fase está situado em um terreno de 85 mil m2, cercado pela Mata Atlântica.


Com modernas instalações, em um local privilegiado, cercado pela natureza e próximo ao Centro Histórico de Petrópolis, a instituição conta com múltiplos cenários de aprendizagem prática, próprios e em parceria com instituições públicas e privadas. Além dos laboratórios de última geração, a faculdade ainda possui um Centro de Simulação Realística, onde os alunos de Enfermagem vivenciam as situações e desafios do dia a dia de uma unidade de saúde. Através de robôs, que respondem como um ser humano às ações praticadas, são realizados treinamentos próximos da realidade, permitindo aos estudantes praticar, corrigir falhas e resolver dúvidas, de forma segura e eficiente. 

No Centro de Simulação Realística são utilizados robôs que respondem como um ser humano às ações praticadas.


Além da formação de base de excelência, a instituição oferece a dinamização da formação profissional através do estímulo ao envolvimento em projetos de extensão, projetos culturais e de inserção comunitária, fortalecendo o vínculo e a responsabilidade socioambiental do estudante e do futuro profissional. Os alunos são inseridos na rotina de atendimentos em Unidades de Saúde da Família próprias da instituição e que fazem parte da rede pública de saúde, além do Hospital de Ensino Alcides Carneiro, que é referência em qualidade de atendimento na Região Serrana do estado do Rio de Janeiro, o Departamento de Doenças Infectoparasitárias (DIP), o Ambulatório Escola com amplo e moderno espaço assistencial, e em variadas unidades assistenciais em parceria com os setores público e privado.

Os estudantes da Fase são inseridos desde o início do curso no dia a dia das comunidades, participando de projetos sociais e atividades de promoção da saúde.


A Fase é uma instituição de ensino que faz vultosos investimentos na área de pesquisa de ponta, procurando envolver o aluno no ambiente da investigação científica, mediante monitorias e iniciação científica, promovendo o espírito da necessidade de atualização profissional em sintonia com os avanços da ciência e da tecnologia. Além disso, promove e sedia eventos nacionais e internacionais com profissionais renomados, para que os acadêmicos tenham acesso ao intercâmbio de conhecimentos e possam estar atualizados com a realidade de atuação nas áreas de saúde e gestão de negócios. 

Desde 2015, os estudantes da FMP/Fase fazem intercâmbios em diversos países. A instituição também começou a receber alunos do exterior, vindos de países como México, Croácia e Holanda. Além disso, a faculdade iniciou uma parceria para mobilidade estudantil com a Universidade Nacional de Quilmes, na Argentina. 

“Nossa instituição vê com muito bons olhos o intercâmbio com outras entidades de Ensino Superior, tanto de alunos quanto de professores. O grupo que veio em janeiro deixou expresso que o que mais os encantou foi o carinho e a receptividade que tiveram dos professores. Destacaram também a alegria dos nossos alunos em integrá-los à vida acadêmica e social. Para o próximo ano, a FMP/Fase planeja estreitar sua parceria com outras universidades nacionais e internacionais”, ressalta o coordenador geral de ensino, Abílio Aranha.

Ambulatório Escola oferece atendimentos gratuitos à população e aumenta área de estágio para os acadêmicos.


Por ser uma unidade de ensino na área da saúde, a Fase investe continuamente nas unidades de saúde da cidade. No início do ano, com a inauguração do prédio anexo do Ambulatório Escola, cenário próprio de ensino, a instituição ampliou o número de atendimentos gratuitos oferecidos aos pacientes através de um convênio com o Sistema Único de Saúde. A população é atendida em diversas especialidades pelos acadêmicos dos cursos de Nutrição, Enfermagem, Psicologia, Radiologia, Medicina e Odontologia, sempre supervisionados pelos professores, profissionais especialistas nas respectivas áreas. Toda a dinâmica de atendimento dos pacientes é discutida entre estudantes e professores com base nas melhores evidências científicas visando à formação de novos profissionais de saúde e garantindo um atendimento de excelência aos usuários da unidade. 

“Uma das atribuições do Sistema Único de Saúde é a formação de novos profissionais de saúde. A relação da Faculdade com o SUS opera nessa lógica, articulando o processo de ensino e formação de recursos humanos com o atendimento universal e de qualidade à população, permitindo acesso para os usuários do SUS a um serviço de excelência que tradicionalmente não teria condição de financiar”, explica Maria Isabel de Sá Earp de Resende Chaves, supervisora geral da FMP/Fase. 

Frisando a importância da democratização do saber e o compromisso de garantir que todos tenham acesso ao ensino superior de qualidade, a Fase oferece diferentes formas para facilitar o ingresso em seus cursos. No processo seletivo do dia 20 de outubro, a instituição de ensino está oferecendo bolsas sociais, desconto de 30% para transferência e segunda graduação e 20% para funcionários de empresas conveniadas à FMP/Fase e seus dependentes, além de ingresso através dos programas do governo: Fies e Prouni. Vale ressaltar que pessoas acima dos 50 anos têm 50% de desconto em todas as mensalidades do curso que escolher, exceto para Odontologia. Outras informações estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br ou pelos telefones (24) 2244-6471 e WhatsApp (24) 9 8865-0693. O link para inscrição no vestibular é: vestibular.fmpfase.edu.br

Saúde do idoso

Proporcionar o Entendimento do processo de envelhecimento e discutir ações de intervenção para promover a qualidade de vida do idoso é a proposta do curso de Extensão em EAD Envelhecer com Saúde: como cuidar da saúde do idoso, da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase). As aulas da 4ª turma estarão disponíveis na plataforma virtual de ensino da faculdade entre os dias 21 de outubro e 26 de novembro de 2019. Outras informações e as inscrições no site: www.fmpfase.edu.br

Meditação

Promover novas formas de perceber, compreender e modificar a realidade, através do incentivo a uma cultura de paz e de ação cooperativa para superar o estado atual da humanidade, por meio de diversas técnicas de meditação para o uso no dia a dia e dinâmicas de percepção dos Campos de Energia são as propostas do curso de Extensão em Meditação, Desenvolvimento da Consciência e Criação de Realidade, módulo básico, da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase). A 4ª turma terá início no dia 07 de outubro, com aulas até 09 de dezembro, sempre às segundas-feiras, das 18h30 às 20h30. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Fase oferece curso de extensão em Técnicas de Vendas I

Muitas famílias em Petrópolis têm sua fonte de renda nas relações de vendas. Seja em lojas de vestuário, sapatarias, óticas, joalherias, farmácias etc, o comum entre esses profissionais é que estão sempre vendendo produtos. A comissão gerada a partir da quantidade vendida faz com que os funcionários estejam mais motivados para vender. E muitos se perguntam: é possível alavancar as vendas mesmo em um cenário de crise?

Utilizando as estratégias corretas é possível fidelizar clientes e criar satisfação durante a prestação de um serviço. Assim como em outras áreas, para saber vender é necessário aprimorar a habilidade que pode ser desenvolvida com facilidade, desde que sejam adotados conhecimentos específicos. Por isso, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para o novo curso de extensão em Estratégias de Vendas I.

“O grande diferencial para quem faz esse curso é se destacar no mercado de trabalho com vasto conhecimento sobre o aumento das vendas. As empresas buscam mão de obra qualificada, assim terá mais chances de conseguir melhores colocações. Investir em capacitação é uma forma de se tornar um profissional completo, com novas ferramentas para melhorar suas habilidades. Para se tornar competitivo é preciso buscar a excelência”, destaca Ângela França Pedrinho, coordenadora do curso de extensão em Técnicas de Vendas I da FMP/Fase. 

As aulas serão realizadas no campus da FMP/Fase nos dias 08 e 10 de outubro de 2019 (terça e quinta-feira), das 19h às 21h. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Curso de Coaching para Nutricionistas e Profissionais de Saúde na Fase

O grande objetivo desse novo curso de extensão “Formação em Coaching para Nutricionistas e Profissionais de Saúde” da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) é que o aluno se transforme e, com isso, possa construir não só uma carreira de sucesso, mas buscar a felicidade interior, entendendo que através da própria transformação será possível ajudar e transformar a vida dos pacientes/clientes.

“O trabalho não precisa e nem deve ser um fardo. Quando se coloca a semente do amor, deixamos de trabalhar e evoluímos todos os dias. Fazer o que ama é sucesso garantido. Você não é só mais um no mercado de trabalho, você veio nesse mundo para fazer a diferença. Não existem obstáculos para os profissionais que já sabem aonde querem chegar, você é o profissional que vai resgatar vidas que não tinham mais nenhuma expectativa”, destaca Carolina Infingardi, coordenadora do curso de Extensão Formação em Coaching para Nutricionistas e Profissionais de Saúde.

Voltado para estudantes, nutricionistas e profissionais da área de saúde com desejo de realizar atendimentos humanizados, o curso será realizado nos dias 18, 19 e 20 de outubro de 2019. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br


Workshop sobre Hipnose

Com a proposta de resgatar práticas de ensino e utilização da Hipnose, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para o workshop gratuito sobre a temática, que será realizado no dia 09 de outubro de 2019, das 19h às 20h30. Inscrições no site: www.fmpfase.edu.br.

Telemarketing

Conscientizar sobre a importância do uso correto do telefone como meio de comunicação para consolidar a imagem de eficiência na venda de produtos e serviços, reduzindo custos e ajudando a comunicação a fluir mais rapidamente, além de fornecer subsídios para que o aluno conheça as posturas profissionais corretas, capacitando-se quanto aos riscos que a atividade impõe, são as propostas da segunda turma do curso de extensão em telemarketing da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase). As aulas serão realizadas nos dias 05 e 07 de novembro de 2019 (terça e quinta-feira), das 19h às 21h. Outras informações e as inscrições estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br.

Geofarmacobotânica e Bioprodutos


Com a proposta de contextualizar o profissional de saúde nos aspectos da geofarmacobotânica que possam colaborar com assistência, pesquisa e ensino em fitoterapia, bioprospecção e bioprodutos (culinários, farmacêuticos e artísticos), a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para o curso de extensão em Geofarmacobotânica e Bioprodutos. As aulas serão realizadas nos dias 28 de setembro e 05 de outubro de 2019 (sábados), das 12h às 18h. Outras informações e as inscrições no site: www.fmpfase.edu.br.

Design Thinking

A Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para a segunda turma do curso de Extensão em Design Thinking, abordagem que visa à resolução de problemáticas em diversas áreas empresariais, principalmente no desenvolvimento de produtos e serviços, tendo como base o trabalho em equipe para realização dos projetos. As aulas serão realizadas no campus da FMP/Fase, nos dias 05, 19 e 26 de outubro de 2019 (sábados), das 13h30 às 17h30. As inscrições e outras informações podem ser obtidas no site: www.fmpfase.edu.br

Inscrições abertas para o Vestibular da Fase

Realizar o sonho de se formar e construir uma carreira de sucesso começa a partir da escolha por uma faculdade que valoriza as suas aptidões e estimula o desenvolvimento dos seus talentos. Se sua área de interesse está voltada para Administração, Enfermagem, Nutrição, Gestão Pública, Odontologia, Radiologia, Recursos Humanos ou Psicologia, fique atento, pois a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para o Vestibular do dia 20 de outubro.

O processo seletivo é para início já no primeiro semestre de 2020. Nesse vestibular, também será aceito o ingresso direto com a nota do Enem e há 30% de desconto em todas as mensalidades para transferência e reingresso (exceto para o curso de Odontologia). Vale destacar que as pessoas acima dos 50 anos que queiram cursar o ensino superior têm 50% de desconto em todas as mensalidades.

A Fase também oferece 20% de desconto para que funcionários de empresas conveniadas e seus dependentes diretos possam cursar a graduação, exceto para o curso de Odontologia.

A lista completa das empresas conveniadas à FMP/Fase, as inscrições para o vestibular e outras informações estão disponíveis no site: www.fmpfase.edu.br/vestibular.